domingo, 25 de fevereiro de 2024
Dourados
22ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
SAÚDE E BEM-ESTAR

SBD faz campanha sobre a importância de individualizar os cuidados com a pele

11 dezembro 2023 - 12h47Por SBD

Intitulada de “Seu Sol, sua pele e sua proteção. Cada um com a sua prevenção”, ação educativa reúne diversas iniciativas de conscientização ressaltando a necessidade da prevenção aos danos causados pelo sol nos diversos tipos de pele.

O Brasil vem enfrentando fortes ondas de calor mesmo antes da chegada do verão, aumentando a atenção dos cuidados com a saúde. Em diversas situações do dia a dia, seja a lazer ou no trabalho, a proteção aos efeitos do sol é fundamental não só para evitar manchas e envelhecimento precoce, mas para prevenir doenças como o câncer de pele, o mais incidente no país, com cerca de 185 mil novos casos por ano, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA).

Tradicionalmente lançada no último mês do ano, quando se inicia oficialmente o verão, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) inicia mais uma campanha Dezembro Laranja para alertar a população sobre a importância dos cuidados individuais para os diferentes tipos de pele durante todo o ano, especialmente quando falamos de proteção solar em um país tão diverso como o Brasil, com uma população com diferentes tipos de pele.

Intitulada de “Seu sol, sua pele, sua proteção. Cada um com a sua prevenção”, a campanha tem como objetivo conscientizar as pessoas sobre a importância de se prevenir da incidência dos raios solares de forma responsável, independentemente do tipo de pele. “Pessoas com todos os tipos de pele devem tomar cuidado com a exposição excessiva ao sol”, ressalta o Dr. Heitor Gonçalves, presidente da SBD.

O Coordenador da Campanha Dezembro Laranja 2023, Dr. Carlos Barcaui, lembra que os homens, principalmente em situações não recreativas, têm mais dificuldade em usar o protetor solar. As mulheres são mais receptivas. “Queremos com a campanha reforçar as medidas para todos os momentos de exposição ao sol, não apenas na hora do lazer. As pessoas também precisam evitar o pico de raios ultravioleta, das 10h às 15h, e usar filtro solar com fator de proteção acima do FPS30”, ensina o Dr. Barcaui.

#DezembroLaranja

Além de reunir informações em uma página dedicada à campanha em seu site (https://www.sbd.org.br/dezembrolaranja/), durante todo o mês de dezembro serão publicadas informações, esclarecimentos e dicas de fotoproteção nas redes sociais da SBD (Instagram, Facebook e Youtube). Assim como nos anos anteriores, personalidades e lideranças em suas áreas de atuação estão sendo convidadas a aderir ao movimento e diversos monumentos nacionais serão iluminados de laranja, cor símbolo da ação, reforçando a importância da conscientização. Toda população pode engajar compartilhando conteúdos e divulgando a hashtag #dezembrolaranja.

“Queremos reforçar as medidas fotoprotetoras para uma pele saudável. A fotoproteção atenua os efeitos do fotoenvelhecimento e previne manchas solares. Além, é claro, de prevenir o câncer de pele. A ideia é criar o hábito também naqueles que acham que não precisam se prevenir do câncer de pele. É uma campanha educativa para diminuir a exposição à radiação ultravioleta, incentivando o uso do filtro solar, de roupas com proteção UV, além de chapéus e bonés. A proteção ao sol deve ser um hábito”, destaca Dr. Barcaui, coordenador da campanha.

Sobre o câncer de pele

Este tipo de câncer é provocado pelo crescimento anormal das células que compõem a pele. Existem diferentes tipos de câncer da pele que podem se manifestar de formas distintas, sendo os mais comuns denominados carcinoma basocelular e carcinoma espinocelular – chamados de câncer de pele não melanoma – e que apresentam altos percentuais de cura se diagnosticados e tratados precocemente.

Um terceiro tipo, o melanoma, apesar de não ser o mais incidente, é o mais agressivo e potencialmente letal. Quando descoberta no início, a doença tem mais de 90% de chance de cura. Em todos eles, a exposição excessiva e sem proteção ao sol é o principal fator de risco que pode desencadear a doença , que pode se manifestar como uma pinta ou mancha.

Informação e prevenção são fundamentais para prevenir a doença. Em casos suspeitos, a Sociedade Brasileira de Dermatologia recomenda a consulta com um médico dermatologista associado, que pode ser localizado no site https://www.sbd.org.br/.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL

Projeto regulamenta a atividade de procurador dos direitos das vítimas de acidentes de trânsito

Investimento de R$ 674 milhões reforça sistema de energia em MS
CRESCIMENTO

Investimento de R$ 674 milhões reforça sistema de energia em MS

CE discute projeto que cria marco legal para jogos eletrônicos
DEBATE

CE discute projeto que cria marco legal para jogos eletrônicos

Filme rodado em MS: Juliana Rojas vence prêmio de Melhor Direção em mostra paralela em 'Berlim'
HAPPY HOUR

Filme rodado em MS: Juliana Rojas vence prêmio de Melhor Direção em mostra paralela em 'Berlim'

Lula participa de cúpulas regionais na Guiana e em ilha do Caribe
AGENDA

Lula participa de cúpulas regionais na Guiana e em ilha do Caribe

CASO CHOCOU O BRASIL

Alexandre Nardoni, condenado pela morte da filha, deve ir para regime aberto em 6 de abril

OPORTUNIDADE

UEMS publica editais para seleção de docentes em Paranaíba, Cassilândia e Jardim

ESPORTES

Brasil enfrenta Colômbia no segundo duelo da Copa Ouro Concacaf

BRASIL

Mulher é estuprada dentro de delegacia no Guarujá

TRÊS LAGOAS

Polícia recupera itens furtados e três vão presos

Mais Lidas

VILA SÃO BRAZ

Após ameaçar esposa, homem é morto pelo cunhado em Dourados

DOURADOS

Trio é preso durante investigação contra grupo suspeito de aplicar R$ 130 mi em golpes a produtores

DOURADOS

"Gostei do que vi": mulher denuncia vizinho após flagra-lo olhando pelo muro

JARDIM NOVO HORIZONTE

Bebedeira entre irmãos termina em tentativa de feminicídio em Dourados