segunda, 22 de abril de 2024
Dourados
24ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

População lota Câmara durante Conferência de Saúde

14 setembro 2003 - 15h28

Foi com o objetivo de lutar por melhorias nas políticas públicas para a saúde de Dourados, que centenas de pessoas entre delegados de saúde, profissionais do setor, representantes dos três poderes e comunidade lotaram a Câmara Municipal durante a IV Conferência Municipal de Saúde na última sexta-feira.O prefeito Laerte Tetila (PT) participou da abertura comentando quanto o Sistema Único de Saúde vem melhorando no município, mas disse que ainda há o que melhorar. “Esta conferência é o reconhecimento de que há a necessidade de aprimorar cada vez mais o sistema de saúde de Dourados”, afirmou o prefeito. “É o momento de apontar rumos e novas perspectivas para que a gente possa, cada vez mais, aperfeiçoar o nosso sistema de saúde local”, comentou.A secretária Municipal de Saúde acredita que a conferência pode surtir bons resultados. “Sabemos que o Sistema Único de Saúde não é um sistema acabado, está em construção, e para fazer com que ele avance é de suma importância a participação popular”, afirmou a secretária durante a abertura da conferência. “O SUS nasceu por manifestação dos trabalhadores, dos movimentos populares e segmentos da saúde que conseguiram estabelecer um sistema em que a saúde fosse um direito para todos. Direto que coloca para a Secretaria Municipal de Saúde o grande desafio de fornecer e fortalecer o atendimento à população”, finaliza Maria de Fátima Metelaro.A Conferência contou com palestrantes de grande importância do Estado e do país como o Coordenador de Ações Populares de Educação em Saúde do Ministério da Saúde, José Ivo Pedrosa, o médico e doutor em Medicina Tropical e professor da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Rivaldo Venâncio; o secretário de Saúde do Estado, João Paulo Barcellos Esteves e o Superintendente de Gestão e Relações Institucionais, Nilo Sérgio Laureano. Foram abordados temas como a educação para profissionais de saúde, política de medicamentos e reorganização da atenção básica.Melhorias

Deixe seu Comentário

Leia Também

Laboratório em campus do IFMS produz materiais para inclusão e acessibilidade
EDUCAÇÃO

Laboratório em campus do IFMS produz materiais para inclusão e acessibilidade

NOVA LEI

Estudo aponta desafios da abertura do mercado de gás natural no Brasil

Indígenas prometem seguir lutando por demarcação de terras
POLÍTICA

Indígenas prometem seguir lutando por demarcação de terras

MUNDO NOVO

Mestrado em Biodiversidade e Sustentabilidade Ambiental abre inscrições

ECONOMIA

Não houve invasão externa em sistema do Tesouro, diz Haddad

COTAÇÃO

Dólar cai para R$ 5,16 à espera de dados nos Estados Unidos

JUSTIÇA

Ministra mantém indenização de Deltan a Lula por caso de powerpoint

CAMPO GRANDE 

Homem que atropelou e matou esposa é liberado após audiência de custódia 

COTAÇÃO

Agronegócio fecha a segunda-feira com reduções nos preços em Dourados

QUATRO ANOS

Detento que cavou buraco em canil para fugir da PED é preso em Goiás 

Mais Lidas

CAMPEONATO ESTADUAL

Operário domina partida, vence o DAC por 3 a 1 e conquista o título Estadual

DOURADOS

Jovem morre a caminho de hospital após ser atingido por facada no abdômen

CAPITAL

Trabalhadores que faziam serviço tapa-buraco são atropelados

FUTEBOL

Sem o título, Dourados perde ainda duas vagas para competições nacionais