Menu
Busca domingo, 28 de novembro de 2021
Dourados
34°max
19°min
Campo Grande
32°max
21°min
Três Lagoas
36°max
21°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
SAÚDE & BEM - ESTAR

Obesidade infantil: como criar hábitos saudáveis para prevenir e como identificá-la

22 novembro 2021 - 15h57Por Lorena R7

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a obesidade infantil está entre um dos problemas de saúde mais graves deste século. Em uma pesquisa feita pelo Ministério da Saúde, em 2020, relata-se que “15,9% dos menores de 5 anos e 31,8% das crianças entre 5 e 9 anos tinham excesso de peso. Destas, 7,4% e 15,8% apresentavam obesidade, respectivamente”. Dados que podem piorar, caso nada seja feito, pois nesse ritmo o país pode chegar à 5ª posição no ranking da obesidade infantil no ano de 2030.

Ao contrário do que muitos pensam, a obesidade na infância não é só algo genético, ela se encaixa como uma doença multifatorial. Em sua maioria, é uma consequência de maus hábitos, principalmente os alimentares. Além do mais, muitas crianças, infelizmente, não têm acesso a alimentos mais saudáveis e se tornam vítimas mais fáceis. Estresse, sono precário, aumento de tela são outros fatores que agravam e aumentam a massa corporal. 

Pesquisas revelam que, mesmo a obesidade sendo diagnosticada antes dos cinco anos de idade, as chances de um tratamento eficiente são de apenas 10%. Para dificultar as possibilidades de melhorias, essa porcentagem é reduzida a cada ano, o que proporciona, futuramente, adultos com alterações no colesterol, hipertensão e, sobretudo, doenças cardiovasculares e cerebrovasculares. Inclusive, até mesmo na infância, o indivíduo pode desenvolver distúrbios psicológicos, como depressão, bulimia e compulsão alimentar.

Nesse caso, de acordo com especialistas em nutrição, se necessário, a única solução plausível seria o uso de medicamentos e acompanhamento profissional que iria melhor auxiliá-los. Para prevenir, o cuidado deve começar desde a primeira infância. Os pais ou responsáveis devem oferecer alimentos mais saudáveis desde cedo para a criança, ingerindo frutas e vegetais. Em paralelo, atividades físicas devem ser sempre efetuadas. A medicina de prevenção é a melhor técnica para certificar que uma pessoa tenha um crescimento saudável e que, em sua fase adulta, não se tornem vítimas dessa doença.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Palmeiras é tricampeão da Copa Libertadores da América
FUTEBOL
Palmeiras é tricampeão da Copa Libertadores da América
PANDEMIA
Alemanha e Itália confirmam casos e variante 'ômicron' da Covid-19 é detectada em 9 países
POLÍCIA
Mulher é espancada por filho após se recusar a dar R$ 5 mil
ECONOMIA
Feirão 'Limpa Nome' tem negociações até dia 6 por whats app e aplicativo
ECONOMIA
Família que tiver aumento de renda permanece no Auxílio Brasil
POLÍCIA
Homem é executado com sete tiros após sair de bar
POLÍCIA
Jovem aciona a polícia após homem tentar beijá-la à força em entrevista de emprego
PANDEMIA
Países europeus identificam casos da variante Ômicron da Covid-19
BRASIL
Cerca de 85 mil beneficiários de auxílio-doença podem ficar sem pagamento do INSS
POLÍCIA
Adolescentes são detidos após serem flagrados com motocicleta furtada

Mais Lidas

AÇÃO CONJUNTA
Dourados terá operação 'Lei Seca' para conter bebedeira no trânsito após final da Libertadores
DOURADOS
Foragido da Justiça há quase três décadas é preso nas proximidades da UPA
DOURADOS
Homem invade residência da ex, agride jovens com garrafa e acaba preso
TRAGÉDIA
Acidente mata bebê de oito meses e deixa sete pessoas feridas na região de fronteira