segunda, 15 de agosto de 2022
Dourados
35°max
20°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
SAÚDE & BEM - ESTAR

Entendendo o Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT)

14 julho 2022 - 06h00Por redação

A Psicoterapeuta especialista em Psicoterapia Cognitivo Comportamental “Luciane Sperafico” explica sobre o Transtorno do estresse pós-traumático ou (TEPT).
O TEPT é um dos tipos de distúrbios de Ansiedade que envolvem sintomas físicos, emocionais e psíquicos, devido a consequências de uma vivência traumática que tenha representado ameaças à vida de quem você ama ou de si próprio.
O Transtorno do estresse pós-traumático envolve, acima de tudo, recordações que nos devolvem para o episódio ocorrido, como se tivessem acontecendo novamente, trazendo sofrimento e dor, como se fosse ainda a primeira vez. Essa recordação também é conhecida como revivescência e provoca disfunções mentais e neurofisiológicas.
O TEPT, apesar de pouco conhecido, pois por vezes não é diagnosticado, atinge hoje, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 2 milhões de pessoas no Brasil. Em dados mais gerais, o TEPT afeta aproximadamente 9% das pessoas em algum momento da vida e 4% dos adultos.
O Transtorno de estresse pós-traumático pode apresentar sintomas que são classificados em grupos:
•    Reexperiência traumática: memórias espontâneas, recorrentes e involuntárias, também chamados de flashbacks, do acontecimento traumático;
•    Esquiva e isolamento social: afastamento de qualquer estímulo que provoque o ciclo de recordações do trauma;
•    Negatividade: sentimentos de incapacidade em se proteger de perigos, sensação de vazio e perda da esperança no futuro;
Hiperexcitabilidade psíquica e psicomotora: episódios de pânico com sintomas físicos, como taquicardia, calor, dores de cabeça, medo de morrer, e mentais, insônia, problemas de concentração, irritabilidade, reações de fuga e estado de alerta (hipervigilância);
Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC): possibilidade de desenvolver ações repetitivas para compensar ou ajustar a tensão e ansiedade.
Esses sintomas podem ser observados em diferentes graus e ocorrências variadas, por isso, não podemos considerar que todos irão ocorrer simultaneamente. Além disso, mesmo que você considere viver a maioria dos sintomas do transtorno, um diagnóstico só poderá ser feito por um especialista. 

 

 

A pessoa pode se sentir emocionalmente entorpecida ou desligada das outras pessoas. A Depressão é comum e a pessoa afetada mostra menos interesse por atividades que costumava apreciar.
As pessoas com transtorno do estresse pós-traumático (TEPT) costumam apresentar alguns sintomas como;
Sintomas intrusivos (o evento invade os pensamentos de maneira repetida e incontrolável)
•    Evitar qualquer coisa que as relembre do evento
•    Efeitos negativos sobre o pensamento e o humor
•    Alterações no estado de alerta e nas reações
Sintomas de intrusão
O evento traumático pode reaparecer repetidamente na forma de memórias indesejadas involuntárias ou pesadelos recorrentes. Algumas pessoas têm flashbacks, durante os quais elas revivem os eventos como se eles estivessem realmente acontecendo em vez de simplesmente se lembrarem deles.
É possível que a pessoa também tenha reações intensas a coisas que a relembrem do evento. Por exemplo, os sintomas de um veterano de guerra podem ser desencadeados por fogos de artifício, enquanto os de uma vítima de roubo à mão armada podem ser desencadeados quando ela vê uma arma de fogo em um filme.
Portanto, o TEPT gera implicações na vida e saúde do indivíduo de caráter psíquico e/ou físico como palpitações, dores no peito, tremores, sudorese, insônia, angústia, falta de apetite, dores no estômago, cefaleia, fadiga, sensação de aperto na garganta, falta de ar, exaustão, alterações do humor, irritabilidade, agressividade, depressão, insanidade e dificuldade de concentração que muitas vezes causa acidentes de trabalho. Além disso, pode haver uso de substâncias químicas como o álcool e outras drogas
Sintomas de esquiva
A pessoa evita de maneira persistente tudo como; atividades, situações ou pessoas que possa recordá-la do trauma. Por exemplo, é possível que ela evite entrar em um parque ou edifício comercial onde foi vítima de agressão ou evite falar com pessoas da mesma raça que a pessoa que a agrediu. Elas podem, inclusive, tentar evitar pensamentos, sentimentos ou conversas sobre o evento traumático.
Entre as opções de tratamento mais eficazes está a Psicoterapia e a Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC), com ou sem acompanhamento medicamentoso de ansiolíticos ou antidepressivos.
Vale lembrar que apenas o médico poderá definir o diagnóstico de TEPT, de acordo com os sintomas e a recorrência dos episódios, bem como prescrever a psicoterapia e a referência medicamentosa.

O texto foi esclarecedor? 
Se ainda restaram dúvidas ou se você deseja realizar uma avaliação Psicodiagnóstica, ou se você tiver experimentado um evento traumático e estiver passando por algum dos sintomas listados nesse texto, talvez seja hora de falar com um especialista. Agende uma consulta conosco!
Atendimentos presencias e on-line
 Com crianças, adolescentes, adultos e Idosos

 


  
CENTRO DE ATENDIMENTO E INTERVENÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA, PSICODIAGNÓSTICO, PSICOLOGIA, NEUROPSICOLOGIA, COACHING VOCACIONAL & CARREIRA E HIPNOTERAPIA CLÍNICA
Os contatos: (67)999548716 / (67)34210550
Rua Ciro Melo, 2280 Centro- Dourados/MS
Facebook e Instagran @cenaipp
“Sobre a Profissional- LUCIANE SPERAFICO”
*Mestre em Psicologia
* Psicanalista
* Hipnoterapeuta
* Formação em Psicologia Positiva
* Psicopedagoga 
* Especialista em Neuropsicologia 
* Pedagoga 
* Neuropedagoga
* Formação Em Habilitação e Reabilitação Neuropsicológica “Luriana”
*Atualização em Mindfulness  
* Especialista Em Educação Especial com ênfase em Autismo
* Especialista Em Psicoterapia Cognitivo Comportamental 
* Screener da Síndrome de Irlen
*Analista Comportamental DISC pela SLAC
*Coach de Carreira &Coach Vocacional
*Facilitadora da metodologia LEGO SERIOUS PLAY e POINTS OF YOU
*Tutora Cogmed- Treinamento de Memória Operacional 
*Formação em Terapia do Esquema
*Estágio Clínico em Avaliação e Intervenção nos Transtornos de Aprendizagem (QUALCONSOANTE- Lisboa Portugal)

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO

Projeto cria programa para auxiliar professores na compra de casa própria

Projeto cria política de prevenção e combate a assédio moral e sexual nas escolas
SEGURANÇA

Projeto cria política de prevenção e combate a assédio moral e sexual nas escolas

Eleições 2022: veja o que pode ou não no dia da votação
ELEIÇÕES 2022

Eleições 2022: veja o que pode ou não no dia da votação

SAÚDE

Projeto cria Programa Nacional de Referência em Tratamento da Fibromialgia

Brasil deve encerrar 2022 com índices de extrema pobreza em queda
ECONOMIA

Brasil deve encerrar 2022 com índices de extrema pobreza em queda

AGRICULTURA

Tecnologia de ressonância magnética reduz perdas de fertilizantes

TRABALHO E PREVIDÊNCIA

Proposta estabelece piso salarial de R$ 3,2 mil para vigilantes

TRANSPORTE

Projeto prevê bilhete único nacional para sistemas de transporte público

MATO GROSSO DO SUL

Incêndios e estiagem colocam cidades em situação de emergência

EM ANÁLISE

Projeto que muda norma geral para concursos públicos retorna ao Senado

Mais Lidas

DOURADOS

Acusado de raptar a ex e trocar tiros com a polícia tem alta e é levado para delegacia

DOURADOS

Homem que trocou tiros com a polícia na Linha do Potreirito havia sequestrado a ex

EMBRIAGUEZ

Caminhonete ocupada por cinco jovens capota na BR-376

DOURADOS

Douradense contaminado com "varíola dos macacos" viajou para o Paraguai recentemente