Menu
Busca sábado, 19 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
PARCERIA

Sebrae/MS vai orientar empresas de Dourados sobre biossegurança

03 agosto 2020 - 06h34Por Da Redação

Com apoio da Prefeitura de Dourados, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semde), o Sebrae/MS lança nesta segunda-feira, dia 03 de julho, com a presença de autoridades, a ação “Eu Fui Orientado”, que visa orientar gratuitamente os pequenos negócios das principais ruas do comércio da cidade sobre as medidas corretas de biossegurança. O evento começa às 8 horas, na Praça Antônio João.

Na ação, um grupo de 20 agentes do Sebrae/MS irá visitar, entre os dias 3 a 7 de agosto, as empresas localizadas nas avenidas Marcelino Pires, Weimar Gonçalves Torres e ruas Joaquim Teixeira Alves e Hayel Bon Faker. Além das orientações, os negócios receberão o selo “Eu Fui Orientado”, para demonstrar aos clientes que o estabelecimento é seguro e responsável.

A estimativa inicial é atender 1.100 empresas no período, informando sobre os protocolos de segurança, que surgiram como uma proteção legal, trabalhista e sanitária, garantindo a segurança de empresários, colaboradores e clientes. Assim, a medida visa manter o comércio aberto, já que se o empreendedor não se adequar, o poder público poderá implementar restrições mais rígidas.

“Vamos levar uma orientação presencial para adequação do empreendimento, visando minimizar o processo de contaminação e contribuir com as decisões da gestão pública, evitando medidas que venham a fechar os estabelecimentos e prejudiquem a economia local e ao mesmo tempo preservem a vida das pessoas”, afirma a gerente regional do Sebrae em Dourados, Flavia Rosa.

Em Dourados, além da Prefeitura, via Semde, a ação conta com apoio da Câmara Municipal, Associação Comercial e Empresarial (Aced), Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista (Sindicom), Sindicato Rural, Sindicato Metalmecânico, Câmara de dirigentes Lojistas (CDL) e Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e dos Contabilistas Autônomos da Grande Dourados (Sescon).

Ainda segundo a gerente Flavia Rosa, o empresário que se comprometer com a biossegurança irá contribuir para uma conscientização geral da população. “Quando trabalhamos os protocolos e a conscientização do empresário e seus colaboradores, entendemos que isso é uma onda positiva, ele vai levar esse conhecimento para a sua comunidade, além da empresa estar assumindo uma postura, educando esse consumidor”, finaliza.

SERVIÇO

O lançamento da ação Eu Fui Orientado acontece nesta segunda-feira, a partir de 8 horas, na praça Antônio João, localizada na avenida Marcelino Pires. A previsão é que os agentes comecem a visitar os negócios comerciais após o lançamento, munidos dos equipamentos de proteção individual (EPIs). O atendimento gratuito seguirá até às 17 horas.

Já os empresários interessados em adotar as medidas de biossegurança podem se inscrever para realizar as consultorias gratuitas de protocolos de segurança do programa Sebrae Orienta, uma parceria do Sebrae/MS com o Sesi/MS e Senac/MS. Inscrições e informações no site: orienta.ms.sebrae.com.br.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Dois ficam feridos em acidente na MS-134
TURISMO
Governo federal regulamenta turismo de trilhas no Brasil
RIO BRILHANTE
Homem de 56 anos cai de trator e morre atropelado em fazenda
PARANAÍBA
Homem quebra móveis, bate na mulher e vai preso
REGIÃO
Mulher é autuada por incêndio em sua chácara em Ivinhema
FAMOSOS
Atriz Juliana Paes está com Covid-19 e diz não ter sintomas
OPORTUNIDADE
Inscrições para 1520 vagas em cursos técnicos começam na segunda-feira
REGIÃO
Jovem tenta entregar droga para interno em hospital e é presa
SAÚDE PÚBLICA
SUS completa 30 anos com conquistas e desafios
DOURADOS
GM flagra aglomeração no centro e três são presos

Mais Lidas

PERIGO POTENCIAL
Vendaval pode atingir Dourados e outras 35 cidades de MS, segundo alerta do Inmet
DOURADOS
Mulher estaciona em vaga preferencial e é xingada por médico
ELEIÇÕES 2020
Convenções chegam ao fim e sete nomes são lançados à prefeitura de Dourados
FRONTEIRA
Estudante morre após procedimento estético em clínica clandestina