Menu
Busca segunda, 18 de janeiro de 2021
(67) 99659-5905
LEVANTAMENTO

MS tem 805 mil empregados; 9° maior percentual de registros em carteira do país

27 novembro 2020 - 17h05Por Gizele Almeida

Com 805 mil pessoas empregadas, Mato Grosso do Sul conta com o 9° maior percentual de trabalhadores com carteira assinada do país. Os dados foram divulgados por meio da PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio), nesta sexta-feira (27), pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). 
Deste total, 525 mil pessoas estão empregadas no setor privado, 405 mil com carteira assinada e 119 mil sem carteira. 

O percentual de empregados com carteira de trabalho assinada era de 77,1% do total de empregados no setor privado. É o 9º maior percentual entre os estados do país, e ligeiramente acima da média nacional que, nesse trimestre, foi de 76,5%. 

Os maiores percentuais foram registrados em Santa Catarina (90,5%), Paraná (85,1%), Rio Grande do Sul (84,3%) e São Paulo (82,3%), Rio de Janeiro (81,8%), Distrito Federal (80,8%), Mato Grosso (79,4%) e Espírito Santo (77,8%). 

Já os menores percentuais foram registrados no Piauí (54,1%), Pará (53,9%) e Maranhão (51,3%).

O IBGE mostra que em comparação ao 2º trimestre de 2020, dos empregados do setor privado das pessoas com 14 anos ou mais ocupadas, houve sutil crescimento tanto entre os empregados com carteira como os sem carteira. 

A variação teve aumento de 1,3% entre as pessoas com carteira, e de queda de 2,6% entre as pessoas sem carteira.

Em relação ao setor público, analisando a variação entre o 3º trimestre de 2020 e 2º trimestre de 2020, houve queda entre as pessoas com carteira e aumento entre as sem carteira assinada. Dentre as pessoas com carteira houve queda de 41,2%, e elevação de 14% nas pessoas sem carteira.

O trabalhador doméstico com carteira, manteve-se estável com porcentagem de 25,0%, a mesma do trimestre anterior, e, invertendo a lógica, os trabalhadores domésticos sem carteira tiveram leve aumento de 1,6% na comparação entre o 2º trimestre de 2020.

Rendimento médio

O levantamento mostra ainda que o no terceiro trimestre de 2020, o rendimento médio real de todos os trabalhos ficou em R$ 2.536,00, considerado estável devido à variação de 1,3% em relação ao trimestre anterior (R$ 2.503,00) e 6,8% em relação ao mesmo trimestre de 2019 (R$ 2.375,00). O valor fica abaixo do rendimento médio nacional que é de R$ 2.554,00. 

Entre os estados do país, MS tem o 7º maior rendimento médio. O maior foi registrado no DF, com R$ 4.268,00. O menor, no MA, com R$ 1.408,00. 

Informalidade

A taxa de informalidade para MS ficou em 36,6% da população ocupada, apresentando uma queda de 0,3 p.p em relação ao trimestre anterior (36,9%). Em números absolutos são 428 mil trabalhadores nesta situação no terceiro trimestre, frente os 430 mil no segundo trimestre. A taxa de informalidade no Brasil foi de 38,4%. Entre as unidades da federação, o estado tem a 7º menor taxa de informalidade. 

As maiores taxas foram registradas no Pará (60,9%) e Maranhão (58,8%) e as menores em Santa Catarina (26,9%) e Distrito Federal (28,6%).


 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Comitê alerta para crescente da Covid e prefeito expede decreto com novas regras
DOURADOS
Comitê alerta para crescente da Covid e prefeito expede decreto com novas regras
TERENOS
Homem é encontrado morto em varanda de residência
MS terá "pacote" de obras de R$ 376 milhões para pavimentação e restauração de estradas
INVESTIMENTO
MS terá "pacote" de obras de R$ 376 milhões para pavimentação e restauração de estradas
DEFINIÇÃO
Inep abre novo prazo para candidatos com Covid pedirem reaplicação do Enem 2020
MINISTRO DA SAÚDE
Pazuello diz que começa a distribuir vacinas às 7h de segunda-feira para todos os estados
CORONAVÍRUS
Distribuição de vacina será acompanhada pelas forças de segurança federais e estadual
MEDIDA
Proibição de corte no fornecimento de água segue até o fim de janeiro na capital
SEU BOLSO
Órgãos de proteção alertam consumidor sobre compra de material escolar
DOURADOS
Morto por descarga elétrica pode ter tentado consertar portão
PANDEMIA
Permanece alta taxa de ocupação de leitos UTI Covid-19 em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS 
Jovem cai de moto e pede ajuda após levar facada
PANDEMIA 
Dourados tem oito mortes por Covid em 24 horas  
OPERAÇÃO
Polícia fecha "boca de fumo" comandada por família no Canaã IV
DOURADOS 
Prefeitura anula 75 das exonerações anunciadas no meio da semana