Menu
Busca terça, 24 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
CULTURA

Livro sul-mato-grossense é um dos finalistas do Prêmio Jabuti

24 outubro 2020 - 18h40Por Portal/MS

Publicado com o patrocínio do Fundo de Investimentos Culturais, o FIC-MS, da Fundação de Cultura do Estado (FCMS), Itukeovo Terenoe é um dos dez finalistas do Prêmio Jabuti 2020. Trata-se de uma coletânea em quatro volumes produzidos por professores terenas de Miranda e organizados pela doutora em linguística Denise Silva.

Nascida em Miranda, Silva participou da implantação das escolas indígenas do município em 2000 e desde então dedicou-se à pesquisa da língua e da cultura indígenas em seu doutorado e pós-doutorado, quando capacitou professores terena com o objetivo de inserir a língua e a cultura desse povo no currículo escolar. Posteriormente, esses professores produziram os textos que compõem a coletânea, um projeto pioneiro que conquistou a Moção de Aplausos do Prêmio Rodrigo Mello De Freitas 2019, do Ipham. “É um material que é conhecido em todo o território nacional como referência na área de ensino de línguas indígenas”, afirma Silva.

Segundo a professora, o anuncio de Itukeovo Terenoe como um dos dez finalistas da 62ª edição do Prêmio Jabuti foi recebido com muita emoção pelos terena de Miranda que, este ano, perderam um dos autores da obra, Anésio Alfredo Pinto, que foi vitimado pela Covid-19 aos 65 anos. “Nesse momento de pandemia, em que a gente vem perdendo tantos idosos indígenas, esse material se torna mais relevante ainda, porque na sociedade indígena, o conhecimento está presente na memória dos mais velhos”, esclarece Silva, que considera o livro um dos legados de Anésio.

A pedagoga também destaca a importância de editais como o FIC na produção de trabalhos relevantes para a educação e para a preservação e divulgação da cultura local. “É um trabalho que já vinha sendo desenvolvido ao longo dos anos, mas sua materialização, com o formato em livro, com box, que é algo inédito na língua indígena brasileira, só foi possível com o apoio financeiro do Fundo de Investimentos Culturais do Estado de Mato Grosso do Sul”.

No total, foram 6 mil exemplares impressos com a ajuda do FIC, distribuídos nas escolas de Miranda e de outros municípios do Estado e do país onde há a presença de povos originários. Um dos maiores prêmios de Literatura do país, o resultado da 62º edição do Jabuti será divulgado no dia 26 de novembro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Identificado assassino de jovem morto no aniversário do irmão
CONTÁGIO
Grupo de pesquisadores diz que Brasil vive 'início de 2ª onda' de Covid
SÃO GABRIEL
Com tiros na cabeça e pescoço, homem é socorrido em estado grave
MUDANÇA NA CASA BRANCA
Trump autoriza início do processo de transição do poder para Biden
APARECIDA DO TABOADO
Homem é acusado de arrastar por duas quadras cachorro que fugiu
UFGD
Prazo para inscrição no Bolsa Cultura Web termina nesta sexta-feira
ESPORTE
Corumbaense e Maracaju desistem de jogar o Estadual de Futebol
ESPORTES
Atleta de Amambai é vice-campeão brasileiro sub-18 de atletismo
PEDRO JUAN
Polícia acusa PCC por ataque que dilacerou nariz de criança na fronteira
CORONAVÍRUS
Ex-ministro que minimizou pandemia é internado com Covid-19

Mais Lidas

DOURADOS
Carro invade parque no final da Avenida Marcelino Pires, cai em valeta e pega fogo
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
Homem ameaça ex com faca e apanha de vizinhos em Dourados
DOURADOS
Homem é preso após tentar atropelar policiais em abordagem na BR-163 
DOURADOS
Mulher é presa após atear fogo na casa do ex-marido, cadeirante