Menu
Busca terça, 07 de julho de 2020
(67) 99659-5905
ASSALTO

Ladrão sobe na garupa e vítima tem motocicleta levada em avenida

01 janeiro 2020 - 08h12Por Da Redação

Um jovem de 22 anos teve prejuízo nas primeiras horas desta quarta-feira, dia 1º de janeiro, em Campo Grande. O motociclista teve o veículo levado por um assaltante que subiu na garupa da motocicleta dele.

O jovem contou à Polícia Civil que seguia em uma Honda Titan pela avenida Afonso Pena por volta das 3 horas da madrugada. Segundo o site Midiamax, ao parar em um semáforo, o jovem foi abordado pelo ladrão, que montou na garupa e ameaçou a vítima com uma arma.

O assaltante ainda ordenou que o jovem conduzisse a moto até a rua rua Professor Luiz Alexandre de Oliveira. Em certo ponto, o ladrão mandou o motociclista parar e pediu o capacete e documentos da moto, que foi levada.

A vítima contou que o ladrão aparentava ter cerca de 1,90 metro de altura e vestia camiseta azul e calça jeans. Até agora o assaltante não foi localizado pela polícia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORUMBÁ
Empresa de alimentos é condenada por erro em emissão de nota fiscal
ECONOMIA
Em recuperação, faturamento da indústria cresce 11,4% em maio
MATERNIDADE
HU orienta sobre exame no recém-nascido durante o período de pandemia
ECONOMIA
Saldo da balança comercial de MS no 1º semestre cresce 28,27% e chega a US$ 1,99 bilhão
DOURADOS
MPF e MPT recomendam que hospital acelere abertura de novos leitos de UTI
RIO DE JANEIRO
Helicóptero de pequeno porte cai na Baía de Guanabara
PARANAÍBA
Carro furtado é recuperado abandonado em avenida
POLÍCIA
Homem é executado com cinco tiros em comércio de Coxim
NIOAQUE
Motorista bêbado é preso após tentar fugir de abordagem policial
ECONOMIA
Dólar fecha em alta nesta segunda-feira e vai a R$ 5,35

Mais Lidas

POLÍCIA
Assassinado no Izidro é secretário de Agricultura Familiar de Dourados
DOURADOS
Ex-funcionário é o suspeito de matar secretário de Agricultura
DOURADOS
Antes do crime, homem que matou secretário havia sido demitido por não usar máscara
DOURADOS
“Um amigo, um conselheiro”, diz Délia após assassinato de secretário