quarta, 25 de maio de 2022
São Paulo
23°max
11°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Ladrão que agrediu homem dentro de casa foi espancado até a morte

18 janeiro 2022 - 20h35Por G 1

Ermildo Veiga Martins Kaneshige, de 45 anos, foi espancado até a morte meses após roubar uma casa e agredir os moradores dentro da residência. A agressão entre o ladrão e a vítima foi registrada por câmeras de segurança e os vídeos foram divulgados pela Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos), de Campo Grande, nesta terça-feira, dia 18 de janeiro.

O furto e as agressões contra um morador, de 46 anos, ocorreu no dia 14 de setembro do ano passado e Ermildo morreu no dia 27 de novembro de 2021. O ladrão teria sido espancado em uma rua do Bairro Taquarussu.

Na época, o suspeito pelo assassinato de Ermildo foi preso em flagrante. Em depoimento à polícia, o homem que matou Ermildo disse que teria o matado após um roubo à casa de um parente.

A Polícia Civil descarta a ligação entre o homicídio e o caso de agressão. O homicídio segue em investigação pela 5ª Delegacia de Polícia, em Campo Grande.

A autoria do roubo que ocorreu em setembro só foi atribuída a Ermildo após investigações da Derf, que apontaram estar "trabalhando para identificar outros crimes praticados por Ermildo, sendo que informações do envolvimento do suspeito em crimes similares deverão ser comunicadas à Derf".

A agressão

Câmeras de segurança de uma casa flagraram o momento em que um ladrão agride um homem a socos e ameaça uma idosa, de 71 anos, no bairro Jacy, em Campo Grande (MS). O caso aconteceu no dia 14 de setembro do ano passado, mas as imagens só foram divulgadas pela Polícia Civil nesta terça-feira (18).

No dia do crime, o morador, de 46 anos, estava retornando de um passeio com seu cachorro quando, ao entrar na residência, se deparou com o ladrão furtando objetos. Ao perceber que havia sido descoberto, o ladrão exigiu que a vítima abrisse o portão para que ele pudesse fugir com os itens.

O dono da casa se negou e foi espancado com socos e chutes na cabeça, que fizeram com que ele ficasse desacordado.

A mãe da vítima, de 71 anos, ouviu os gritos e foi socorrer o filho. Ao se deparar com o bandido, ela foi ameaçada e obrigada a entregar o celular. Assustada, a idosa abriu o portão para o bandido, que fugiu levando vários objetos da residência.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MARILENA

Sul-mato-grossense é morto no Paraná e polícia procura família

MERCADO FINANCEIRO

Dólar fecha em alta com foco dos mercados nos juros dos EUA

Grávida morta com tiro na cabeça foi assassinada pelo próprio irmão
CAARAPÓ

Grávida morta com tiro na cabeça foi assassinada pelo próprio irmão

Colisão entre caminhões em estrada vicinal matou motorista de 63 anos
FÁTIMA DO SUL

Colisão entre caminhões em estrada vicinal matou motorista de 63 anos

Lincoln Portela é eleito vice-presidente da Câmara dos Deputados
CONGRESSO

Lincoln Portela é eleito vice-presidente da Câmara dos Deputados

CAPITAL

Justiça mantém prisão de vendedor de pães acusado de estuprar criança

NOVOS EDITAIS

TJ/MS vai leiloar mais de mil itens depositados judicialmente

DOURADOS

Corpo em decomposição é encontrado em rodovia

REGIÃO

Carga de cigarros contrabandeados é apreendida durante bloqueio policial

REGIÃO

Colisão entre duas carretas deixa ao menos um morto em Fátima do Sul

Mais Lidas

TRAGÉDIA

Homem morre e outro fica ferido em estado grave após acidente na Marcelino

DOURADOS

Vídeo mostra momento da colisão que terminou com morte de motociclista

MARCELINO PIRES

Vítima de acidente tinha 33 anos e era sargento na Venezuela antes de se mudar para Dourados

DOURADOS

Segunda vítima de acidente na Marcelino Pires morre no Hospital da Vida