Menu
Busca terça, 14 de julho de 2020
(67) 99659-5905
PROJETO RONDON

Inscrições para Operação “Lobo Guará” terminam na próxima quinta

10 dezembro 2019 - 21h20Por Da Redação

As incrições para o processo seletivo para as Instituições de Ensino Superior (IES) que queriam participar da Operação “Lobo Guará”, do Projeto Rondon, estão abertas. O Edital foi publicado pelo Ministério da Defesa (MD), por meio da Coordenação-Geral do Projeto Rondon.

Para a participação da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) na Operação “Lobo Guará”, a Prowec (Pró-reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários) convida os professores efetivos que tiverem espírito aventureiro, experiência em extensão universitária e boa capacidade de relacionamento, para a inscrição de propostas para o Projeto Rondon.

Cada IES poderá enviar uma proposta por Conjunto (A ou B). Os professores interessados em participar deverão enviar a proposta para a PROEC no e-mail divisaoextensao@gmail.com até a próxima quinta-feira, dia 12 de dezembro de 2019.

Para os Conjuntos "A" e "B", cada equipe será composta por brasileiros (natos ou naturalizados), com dez rondonistas, sendo dois professores e oito alunos de cursos de graduação.

Operação “Lobo Guará”

A Operação “Lobo Guará” será desenvolvida dos dias 10 a 25 de julho de 2020, em 11 municípios do Estado de Goiás - Águas Lindas de Goiás, Alto Paraíso de Goiás, Alvorada do Norte, Buritinópolis, Cabeceiras, Cavalcante, Flores de Goiás, Nova Roma, São João d' Aliança, Teresina de Goiás, Valparaíso de Goiás - e um município do Estado de Minas Gerais - Cabeceira Grande.

Informações para a inscrição de propostas

De acordo com o Edital, as ações devem ter caráter de extensão e contribuir para o desenvolvimento sustentável das comunidades, para o desenvolvimento e o fortalecimento da cidadania do estudante universitário, o bem-estar social e a qualidade de vida nas comunidades carentes, usando as habilidades universitárias. As ações propostas deverão ser direcionadas a um público-alvo que seja capaz de reproduzi-las e multiplicá-las no seio da comunidade, tornando-as permanentes. Poderão ser realizadas oficinas complementares visando viabilizar, apoiar ou dar suporte às ações de capacitação.

O Conjunto A deve contemplar as áreas temáticas de Cultura, Direitos Humanos e Justiça, Educação e Saúde. O Conjunto B deve contemplar as áreas temáticas de Comunicação, Tecnologia e Produção, Meio Ambiente e Trabalho.

Os alunos serão selecionados após a aprovação do projeto pelo Ministério da Defesa.

Caberá à Comissão Organizadora do Projeto Rondon na UEMS a análise e julgamento das propostas recebidas, encaminhando a proposta selecionada para o Ministério da Defesa.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail: divisaoextensao@gmail.com ou pelos telefones 67-3902-2630 ou 3902-2562.

Confira outras informações no site https://projetorondon.defesa.gov .br/portal/

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
TJMS condena réu de tentativa de furto por resistência e desacato
ECONOMIA
Petrobras bate recorde na produção de diesel menos poluente
PANDEMIA
Secretarias municipais devem encaminhar resultados de testes rápidos da Covid-19 à SES
CALIFÓRNIA
Corpo de atriz de Glee é encontrado por oficiais
REGIÃO
Adolescente é apreendido pela PM pela décima vez em 2020
BRASIL
Mourão diz que desmatamento foi além do aceitável na região amazônica
EDUCAÇÃO
Feira científica de MS abre inscrições para alunos da rede pública e privada de todo o Brasil
REGIÃO
Quatro são autuados pela PMA por pesca ilegal no rio Sucuriú
COTAÇÃO
Dólar fecha em alta atento a cenário externo
REGIÃO
Barraca de atendimento a suspeitos de Covid-19 é rasgada por vândalos

Mais Lidas

DOURADOS
‘Deus no comando amem’: antes de crimes, atirador postou pregação religiosa
BARBÁRIE
Homem assassina ex, atira em crianças e se mata no altar de igreja em Dourados
DOURADOS
Atirador baleou criança de quatro anos na cabeça ao abrir fogo para matar ex-mulher
DOURADOS
Atirador chegou em igreja na hora da comunhão e entrou dizendo ter feito bobagem