Menu
Busca quarta, 01 de dezembro de 2021
Dourados
34°max
19°min
Campo Grande
32°max
19°min
Três Lagoas
35°max
21°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
LEVANTAMENTO

Informalidade permanece estável em setembro no MS

24 outubro 2020 - 07h30Por Gizele Almeida com IBGE

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio PNAD Covid-2019 divulgada nesta sexta-feira (23) revela a variável de pessoas ocupadas e na informalidade e, Mato Grosso do Sul tem cerca de 393 mil pessoas nessa situação no mês de setembro. O levantamento é do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). 

Com este total (393 mil) fica constatado um aumento de pessoas nesta condição de 3,3% em relação a maio (387 mil) e praticamente o mesmo número em agosto (392 mil). 

O proxy, que é o percentual de pessoas ocupadas como trabalhadores informais em relação ao total de pessoas ocupadas, isto é, trabalhadores informais/pessoas ocupadas x 100, das pessoas com 14 anos ou mais de idade em MS ficou em 32,2% (em maio era 32,7% e agosto 32,6%). Isso representou a sétima menor porcentagem em termos das Unidades de Federação e a segunda posição da região Centro-Oeste. 

Já no Brasil, o contingente de trabalhadores informais ficou em 28,3 milhões de pessoas em setembro, ou 34,2% do total de ocupados. Isto representa um aumento de 1,7% na quantidade de informais em relação a agosto e um aumento de 0,3 p.p. na taxa de informalidade.

MS registra queda no número de pessoas que não conseguiram buscar trabalho devido à pandemia 

A pandemia e o isolamento social fizeram com que as pessoas não buscassem trabalho mesmo querendo trabalhar e não tendo ocupação. Os dados mostram que este número vem caindo mês a mês. A população fora da força de trabalho, em setembro, foi estimada em 811 mil pessoas. Deste total, 26,6% gostariam de trabalhar, mas não buscaram trabalho, e 12,3% (100 mil) não buscaram trabalho devido à pandemia ou à falta de trabalho na localidade, mas gostariam de trabalhar. Sendo assim, regisrou-se queda de 13% frente a agosto, entre as pessoas que embora quisessem trabalhar não o fizeram como principal motivo a pandemia ou a falta de trabalho na localidade. 

Trabalho remoto 

Mato Grosso do Sul tem o correspondente a 87 mil pessoas de pessoas ocupadas e não afastadas que trabalham de forma remota. Isso corresponde a 7,6% da população ocupada e não afastada do estado. Este percentual é próximo do apresentado em agosto, que foi de 7,8% e superior ao de maio, que foi de 7,2%. Em termos comparativos, no Brasil são cerca de 10,4% trabalhando remotamente em setembro frente a 11,1% em agosto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMPREGO
Autorizados concursos públicos para Iagro e Sedhast com 180 vagas
Em média, Dourados cria quase 400 novos postos de trabalho por mês em 2021
CAGED
Em média, Dourados cria quase 400 novos postos de trabalho por mês em 2021
Receptador é preso após capotar Hyundai que levaria para o Paraguai
POLÍCIA
Receptador é preso após capotar Hyundai que levaria para o Paraguai
Topgrãos completa dois anos e se consolida no mercado de transporte
Informe Publicitário
Topgrãos completa dois anos e se consolida no mercado de transporte
DOURADOS
Prefeitura encerra processo seletivo simplificado para a Sems
Informe Publicitário
Haras Weekend, a maior festa eletrônica do MS, acontece no dia 11 de dezembro
TV DOURADOS NEWS
Deputado Renato Câmara visita o Dourados News e entrega Moção pelos 21 anos de história do jornal
COXIM
Sob ameaças, idosa de 65 anos é estuprada em terreno baldio
IMUNIZAÇÂO
Dourados continua com aplicação das 2ª e 3ª dose nesta quarta
ITINERANTE
Carreta da Justiça leva atendimento para cidadãos de Laguna Carapã

Mais Lidas

ITAPORÃ
Ciclista morta após ser atropelada por carreta é identificada
DOURADOS
Família procura por jovem que saiu de casa há mais de um mês e não retornou
CAPITAL
PRF que atirou em homem no interior de motel é encontrado morto
ITAPORÃ
Vítima de acidente seguia para o trabalho quando foi atropelada e morta