Menu
Busca segunda, 25 de outubro de 2021
(67) 99257-3397

Idoso morre após 1 mês internado e família procura ciclista suspeito

20 setembro 2021 - 21h35Por Da Redação

Inconformados com a morte do catador de recicláveis Valter de Souza Sandim, de 74 anos, familiares cobram justiça e buscam por informações que possam ajudar a identificar e localizar ciclista suspeito de envolvimento em confusão no trânsito, que resultou na internação do idoso. Segundo as filhas, a vítima teria se envolvido em acidente entre carro e bicicleta, no dia 15 de agosto, ocasião que acabou sendo agredido em via pública a ponto de precisar ficar internado por pouco mais de 30 dias e não resistir.

Na madrugada deste domingo, dia 19 de setembro, Valter, que estava internado na Santa Casa de Campo Grande, não conseguiu se recuperar de trauma no crânio e a um hematoma subdural agudo, tendo a equipe médica constatado óbito às 2 horas.

Conforme boletim de ocorrência registrado pela família, a agressão aconteceu próximo a bar na rua Urariocara, no Jardim Colúmbia, região norte da Capital. Segundo o site Campo Grande News, o idoso, que estava de carro, se envolveu em acidente com ciclista.

A vítima foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levada à UPA Coronel Antonino. Apesar do registro policial não mencionar, a família relatou à reportagem que Valter foi liberado pela equipe médica no mesmo dia, mesmo com ferimentos no rosto e na cabeça, e após o idoso relatar agressão.

"A gente não entende porquê não foi registrado boletim de ocorrência no dia, se ele chegou a falar da agressão", diz Silvana de Souza, de 54 anos, filha de criação do idoso. Segundo ela, o registro só foi feito pela família, dias após a internação.

Liberado, Valter chegou a ir para casa e a narrar como foi a agressão aos familiares. Na madrugada do dia seguinte, ele acabou pedindo socorro para um vizinho ao perceber que estava tendo uma hemorragia.

"Ele não estava conseguindo enxergar e sangrava, daí o vizinho levou ele para a Santa Casa", conta Silvana.

Após internação, o estado de saúde do paciente evolui para grave, rapidamente. "O boletim médico da Santa Casa informa que o paciente está em leito de CTI, em estado grave por uma hemorragia cerebral", destaca ocorrência policial registrada pela família no dia 6 de setembro, dias após a agressão. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PARAGUAI
Raio cai sobre residência e mata casal além de um bebê de 10 meses
POLÍTICA
Conselho de Ética da UEMS prorroga inscrições para candidatos a eleição
Membro do PCC é o quarto preso de bando que roubou três aviões
NÚMEROS DA PANDEMIA
Média móvel de mortes por Covid completa 2 semana abaixo de 400
Homem morto em troca de tiros era especialista em invadir comércios
CAMPO GRANDE
Homem morto em troca de tiros era especialista em invadir comércios
MERCADO FINANCEIRO
Dólar comercial cai para R$ 5,55 em dia de ajustes no mercado
CAPITAL
Homem é suspeito de estuprar enteada durante idas da esposa à igreja
EDUCAÇÃO
MS lança programa para melhorar alfabetização da rede pública
PÓS TEMPORAL
Há quase 48h sem energia, moradores relatam dificuldades em bairro de Dourados
PORTO MURTINHO
Homem morre após perder controle de direção e cair em ribanceira

Mais Lidas

CÁRCERE PRIVADO
Tentativa de sequestro a criança termina com jovem preso em Dourados
CLIMA
Vendaval atinge Dourados e deixa rastro de destruição
ACIDENTE
Morto em acidente na BR-163 voltava de festa em Caarapó
DOURADOS
Vento supera 40 quilômetros por hora e grande perigo de tempestade inicia de tarde