Menu
Busca segunda, 06 de julho de 2020
(67) 99659-5905
CASSILÂNDIA

Homem é autuado em R$ 10 mil por degradação ambiental

31 maio 2020 - 18h40Por Da Redação

Na tarde deste sábado (30), policiais militares ambientais de Cassilândia realizaram fiscalização nas propriedades rurais do município e autuaram o proprietário de uma fazenda por degradação ambiental, afetando áreas protegidas de preservação permanente de mananciais. 

O infrator, 66, residente em Itapagipe (MG), realizou a mudança de uso do solo com remoção da vegetação em uma área de morros e não tomou as medidas de conservação adequadas.

Conforme ocorrência, até havia alguns trabalhos de curvas de níveis e bacias de contenção, mas realizadas para tentar conter as erosões já existentes. A remoção da vegetação, bem como o pisoteio de animais causaram algumas voçorocas, que estavam assoreando o córrego Cedro e alguns de seus afluentes. 

As intervenções de recuperação, como as curvas de níveis e bacias de contenção das erosões realizadas para a minimização dos problemas não resistiram as chuvas e acabaram contribuindo ainda mais com o assoreamento dos cursos d’água.

O proprietário rural foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação de Área Degradada e Alterada (Prada), junto ao órgão ambiental estadual, pois os trabalhos realizados não foram adequados ao problema existente. Ele também foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 10 mil. 

O autuado também poderá responder por crime ambiental e poderá pegar pena de detenção de um a três anos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Carro que atingiu ciclista pega fogo após bater em árvore ao lado de Avenida
TRAGÉDIA
Ciclista morre após ser atropelado por carro na Avenida Marcelino Pires
INFORMAÇÃO
Especialista recomenda prazo de adaptação à Lei de Proteção de Dados
PANDEMIA
Rio de Janeiro registra 10.667 mortes por coronavírus
CAMPO GRANDE
Moradores da Capital realizam ação solidária e arregacam 1t de alimentos
ESPORTES
Flamengo vence com tranquilidade e se aproxima do título estadual
DOURADOS
Acusado de matar secretário em Dourados acaba preso em barreira sanitária
LUTO
Martha Rocha, 1ª Miss Brasil, morre em Niterói, no Rio de Janeiro
PANDEMIA
Brasil chega a 1,6 milhão de casos confirmados de coronavírus
ECONOMIA
Pesquisa mostra potencial para a expansão do home office

Mais Lidas

POLÍCIA
Assassinado no Izidro é secretário de Agricultura Familiar de Dourados
DOURADOS
Ex-funcionário é o suspeito de matar secretário de Agricultura
DOURADOS
Antes do crime, homem que matou secretário havia sido demitido por não usar máscara
DOURADOS
“Um amigo, um conselheiro”, diz Délia após assassinato de secretário