Menu
Busca sexta, 23 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
FÁTIMA DO SUL

Excesso de chuva causa preocupação a moradores

28 dezembro 2017 - 17h10Por Da Redação

A temporada de chuvas vem causando grande apreensão nos moradores do bairro Nossa Senhora dos Navegantes, próximo ao Rio Dourados, em Fátima do Sul. De acordo com o Fátima News, o rio vem subindo consideravelmente.

No ano de 2015, a cheia levou trantorno a moradores com o alagamento de pelo menos 40 casas no bairro e em outros pontos da cidade, além da destruição de estradas vicinais na zona rural do município.

Na época, várias familias tiveram que deixar suas casas, devido o alagamento.

Atualmente em Fátima do Sul o nível do rio vem subindo há pelo menos 5 dias e está 2 metros acima do normal.

Ainda conforme o site, a previsão é que chova mais 71 milimetros no final de semana, que aumetará sensivelmente o volume de água no Rio Dourados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVA ANDRADINA
Dono de auto elétrica é encontrado morto no interior de oficina
ECONOMIA
Bolsonaro sanciona projeto de lei que cria poupança social digital
NAVIRAÍ
Mãe faz vaquinha para custear tratamento da filha com síndrome de West
PROVA DE VIDA
Recadastramento de aposentados está suspenso até 30 de novembro
MEIO AMBIENTE
Homem é preso e multado por capturar e manter aves silvestres em cativeiro
SOLIDARIEDADE
TJ/MS lança Campanha de Natal e atenderá crianças, adolescentes e idosos
MIRANDA
Trio é preso com cocaína avaliada em R$ 1,7 milhão na BR-262
BRASIL
Governo anuncia eSocial simplificado e revisão de normas trabalhistas
JUSTIÇA
Sobrinho acusado de matar tio pelas costas será julgado nesta sexta
JUDICIÁRIO
Posse de Kassio Nunes Marques no STF será no dia 5 de novembro

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente entre carreta e motocicleta mata mulher na BR-163
HOMICÍDIO EM 2013
Condenada pela morte do ex em Dourados é presa na Capital
DOURADOS
Motorista bêbado causa acidente em semáforo da Avenida Marcelino Pires
DOURADOS
Carona de motociclista que morreu em acidente com carreta corre risco de ter perna amputada