Menu
Busca quarta, 21 de abril de 2021
(67) 99257-3397
MEIO AMBIENTE EM MS

Edital é lançado para estudo de concessão do Parque Nacional da Serra da Bodoquena

24 fevereiro 2021 - 13h46Por G1

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) lançou os primeiros editais para a realização de estudos técnicos com o objetivo de subsidiar as concessões de oito unidades de conservação federais. Entre elas, está o Parque Nacional da Serra da Bodoquena, em Mato Grosso do Sul.

O Parque Nacional da Serra da Bodoquena foi criado em setembro de 2000 e possui 76.481 hectares, distribuídos entre os municípios de Porto Murtinho (32,3%), Jardim (7%), Bonito (33,2%) e Bodoquena (27,5%), no sudoeste do estado.

A Serra da Bodoquena, que dá nome ao parque é um planalto inclinado, com a porção mais baixa a oeste, em direção à planície do Pantanal. A leste é suavemente inclinada em direção à planície de inundação do rio Miranda que, por sua vez, integra a bacia do rio Paraguai. Apresenta-se alongado no sentido norte-sul, com cerca de 300 quilômetros de comprimento e largura variando de 20 a 50 quilômetros. O parque nacional localiza-se na porção central desse planalto e é caracterizado por um maciço rochoso elevado, com altitudes que variam de 450 a 650 metros.

O Parque Nacional da Serra da Bodoquena é formado pelos biomas do Cerrado e do Pantanal e tem ainda uma área de Mata Atlântica. No local, já foram identificados mais de 30 espécies de mamíferos terrestres, 300 de aves e 90 espécies de peixes.

Entre as espécies vegetais, foi identificada uma pequena flor, a dimerostema annun, considerada extinta no Brasil havia 160 anos. A rica fauna conta com a presença da harpia, por exemplo, a maior ave de rapina do mundo, que chega a pesar 10 quilos e medir até três metros de envergadura

De acordo com o edital do Ministério, que foi publicado na segunda-feira (22), serão desenvolvidos estudos e proposições para concepção de modelagem técnica e operacional, engenharia, arquitetura, assim como de viabilidade econômico-financeira para as concessões. As propostas podem ser apresentadas até o dia 24 de março. Os estudos vão ser realizados no prazo de até 120 dias após a assinatura dos contratos.

Para acessar o link do edital clique aqui!

De acordo com o órgão ministerial, a iniciativa é fruto de um projeto de cooperação técnica internacional entre Ministério do Turismo (MTur) e Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), que tem o objetivo de promover o turismo e o patrimônio cultural e natural no Brasil, por meio de parcerias com a iniciativa privada.

Além do Parque Nacional da Serra da Bodoquena também serão realizados estudos para a concessão das seguintes unidades de conservação:

Parque Nacional de Lençóis Maranhenses (MA);
Parque Nacional da Chapada dos Guimarães (MT);
Parque Nacional da Serra dos Órgãos (RJ);
Parque Nacional de Jericoacoara (CE);
Parque Nacional de Ubajara (CE);
Parque Nacional de Brasília (DF);
Floresta Nacional de Brasília (DF).

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia encontra cocaína em chaleiras que iriam para a Espanha
PARAGUAI
Polícia encontra cocaína em chaleiras que iriam para a Espanha
ESTADOS UNIDOS
Júri declara ex-policial Derek Chauvin culpado pela morte de George Floyd
Casal é preso enquanto aplicava golpe em seguradora da fronteira
Nelsinho Trad fará requerimento para profissionais de transporte de pessoas
POLÍTICA
Nelsinho Trad fará requerimento para profissionais de transporte de pessoas
DOURADOS
Motociclista morre no HV 18 dias após sofrer acidente no centro
UFGD
Prazo para inscrever projetos de Iniciação Científica termina na próxima semana
MEIO AMBIENTE
PMA de Dourados captura família de gambá no Jardim Água Boa
CÂMARA
Deputados aprovam urgência de projeto para privatizar os Correios
Transportando 26 cavalos ilegalmente, idoso é preso com dólares e reais
REGIÃO
Presidente da Assomasul destaca emenda que cria o ICMS Educacional 

Mais Lidas

DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro
DOURADOS
Perícia não encontra sinais de violência e morte de mulher pode ter sido por causas naturais
DOURADOS
Mãe de menor que organizou festa clandestina com mais de 40 pessoas é presa
TIRADENTES
Comércio, vacinação e bancos; veja o que funciona no feriado em Dourados