Menu
Busca quarta, 01 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Conselho de Odontologia aponta propaganda ilegal como principal irregularidade em 2012

15 janeiro 2013 - 16h00

#####Assessoria




A Comissão de Ética do CRO-MS (Conselho Regional de Odontologia de Mato Grosso do Sul) divulgou o balanço de 2012. De acordo com o levantamento foram instaurados no ano passado 43 processos éticos.


A principal infração cometida pelos profissionais se refere as propagandas ilegais, responsáveis por oito registros. Também foram constatados cinco anúncios irregulares, faltando informações ou equivocadas. “A propagando ilegal ainda é a principal. Os profissionais anunciam valores, formas de pagamento e oferecem brindes, como faça um tratamento e ganhe o clareamento. Isso é totalmente errado e fere o Código de Ética”, ressalta o presidente da Comissão, José Wilson Capdeville.


“Saúde é algo que não se vende. Quando vamos nos referir a um tratamento não podemos anunciar valores, como se fosse um produto qualquer”, destaca o presidente do CRO-MS, Francisco Grilo.


Ainda foram registrados dois casos de exercício ilegal da profissão e um acobertamento em Mato Grosso do Sul. “Temos que combater os chamados “práticos”, que se passam por profissionais e colocam a vida de pessoas em risco. Pedimos que quem souber dessa prática denuncie ao CRO-MS”, convoca Capdeville.


Dos processos, 15 foram por descontentamento do paciente com o tratamento, um por emissão de atestado falso ou irregular e 11 por falta com os deveres fundamentais da profissão. Para mais informações ou denúncias de irregularidades basta entrar em contato com o Conselho pelo telefone 3321-0149.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Rapaz é preso quando tentava arremessar maconha para dentro de presídio
AJUDA FINANCEIRA
Dinheiro do governo permitirá que pessoas mantenham isolamento, diz Guedes
CAMPO GRANDE
Banco deve declarar inexistente fraude no cartão de R$ 61 mil
COVID-19
Saúde prepara protocolo sobre uso de máscaras por pessoas sem sintomas
PANTANAL
Mulher e criança feridas ao cair de charrete são resgatadas em aeronave
JUDICIÁRIO
CNJ e Ministério da Saúde autorizam enterros e cremações sem atestado de óbito
TACURU
Paranaense é multado em R$ 7,5 mil por incêndio em madeira e galhadas
JUSTIÇA
Falha no conserto de veículo segurado gera indenização a consumidor
PARANAÍBA
Jovem de 20 anos é preso com R$ 190 em cédulas falsas de dinheiro
EDITORIAL
Jornal britânico 'The Guardian' diz que Bolsonaro é 'perigo para brasileiros'

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
DOURADOS
Homem leva surra de populares e é detido por furtar dois veículos em Dourados
COVID-19
MS tem oito confirmações de coronavírus em 24h e suspeitos chegam a 51