Menu
Busca quinta, 28 de outubro de 2021
(67) 99257-3397
PARANAÍBA

Chamado de corno, policial que matou por traição bate em colega de cela

14 outubro 2020 - 18h35Por Da Redação

O policial militar Lúcio Roberto Queiroz da Silva, preso pelos assassinatos da esposa Reggiane Rodrigues Araújo, de 32 anos, e do corretor de imóveis Fernando Henrique Freitas, de 31 anos, ocorridos no ano passado, em Paranaíba, cidade localizada na região Leste do Estado, foi autuado em flagrante por lesão corporal. Ele agrediu outro policial colega de cela depois de ser chamado de corno.

Seguno o site Midiamax, os fatos ocorreram no último domingo, dia 11 de outubro, no pátio do Presídio Militar Estadual, localizado no complexo penitenciário do Jardim Noroeste, na Capital. Lúcio foi submetido à audiência de custódia e teve alvará de soltura concedido, no entanto, segue recolhido em razão dos homicídios. Ele teria agredido o outro policial no pátio da unidade, nas proximidades da igreja dos internos.

A vítima foi socorrida com ferimento na cabeça e encaminhada para atendimento médico. Lúcio será levado a júri popular e deve aguardar o julgamento preso. As investigações apontam que o policial cometeu o duplo homicídio após descobrir um suposto relacionamento entre as duas vítimas. Consta na denúncia que por volta das 20 horas do dia 5 de outubro de 2019,  Lúcio foi até uma residência onde estava o corretor de imóveis e o matou. 

Após o assassinato, o réu foi até outra residência e matou a esposa. Ele e a mulher viveram juntos por 12 anos, enquanto o corretor de imóveis era casado também, tendo convivido com a esposa por cinco anos. No dia dos crimes, o corretor e a mulher estavam na casa dos pais dela, em uma reunião familiar, enquanto o policial e a esposa participavam de outra confraternização.

No final da tarde, depois de ingerir bebida alcoólica, o corretor deitou-se para descansar no sofá da sogra e, antes de dormir, desbloqueou o celular para sua mulher fazer uma ligação. Enquanto usava o celular do marido, chegaram mensagens por um aplicativo de conversa, sendo estas encaminhadas pela mulher do policial.

A mulher do corretor respondeu como se fosse ele, imaginando que ambas as vítimas mantinham caso extraconjugal. A seguir, a mulher entrou em contato com o policial e enviou a ele os prints da conversa. O policial questionou a esposa sobre a possível infidelidade, mas ela negou. Então, ele foi até a residência onde o corretor estava, desceu do carro armado de uma pistola .40, de propriedade da Polícia Militar.

Na frente da casa estavam a sogra do corretor, a mulher com sua filha menor no colo e uma amiga – ambas tentaram impedir sua entrada, ao perceber a intenção, mas não conseguiram impedir. O policial encontrou o corretor deitado no sofá, de costas para a porta, e o acertou com um chute violento, exigindo que pegasse o celular, e repentinamente atirou na vítima que, mesmo atingido, tentou fugir. O réu perseguiu o corretor e atirou mais quatro vezes, matando-o.

De volta ao local onde estava com a esposa, o policial disse que matou o corretor e faria o mesmo com ela. Ele apontou a arma e atirou seis vezes, matando-a. Antes de atirar, o policial obrigou o filho do casal a entrar em um dos quartos, entretanto o garoto não só ouviu tudo como, após o assassino deixar a local, viu a mãe morta no sofá da casa. Após os crimes, o réu deixou a arma usada nos assassinatos e fugiu com o carro dos pais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Caminhonete é abandonada com quase 50 kg de maconha
JARDIM
Caminhonete é abandonada com quase 50 kg de maconha
REGIÃO
Tribunal de Justiça abre leilão de veículos apreendidos em ações penais
Homem é preso suspeito de apontar arma para indivíduo por conta de recibo
JARDIM
Homem é preso suspeito de apontar arma para indivíduo por conta de recibo
PMA apreende petrechos proibidos de pesca nos rios Dourados e Brilhante
DOURADOS
PMA apreende petrechos proibidos de pesca nos rios Dourados e Brilhante
Covid-19: sexta-feira tem imunização em quatro pontos de Dourados
VACINAÇÃO
Covid-19: sexta-feira tem imunização em quatro pontos de Dourados
BELEZA E ESTÉTICA
Mulher tem que treinar braço? As vantagens de exercitar os membros superiores
PANDEMIA
Dourados tem mais nove confirmações de Covid e ultrapassa 100 casos ativos
DOURADOS
Alan anuncia o pagamento antecipado do 13º salário no Dia do Servidor Público
DOURADOS
Vídeo mostra caminhão 'entalado' no túnel de acesso ao Parque das Nações
BRASIL
Fiocruz e AstraZeneca assinam acordo para importação de IFA em 2022

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem formou consórcio com amigos para comprar e usar ecstasy em festas
LAGUNA CARAPÃ
Motorista morre prensado ao tombar caminhão na MS-379
DOURADOS
Jovem que se formou há dois meses é presa com ecstasy no Parque Alvorada
DOURADOS
Jovem negro e com tatuagem "Jesus Cristo", vítima fatal de acidente ainda não foi identificada