Menu
Busca sábado, 25 de setembro de 2021
(67) 99257-3397

Avião apreendido com cocaína é de piloto do MS preso por tráfico

03 agosto 2021 - 22h05Por Da Redação

O avião monomotor Cessna Aircraft, de modelo 182P e prefixo PT-IMY, flagrado no interior de São Paulo com carga de cocaína avaliada em R$ 15 milhões, está registrado em nome de piloto corumbaense que já teve o nome envolvido pelo menos duas vezes em esquema de tráfico de cocaína. Hoje com 77 anos, Luiz Augusto de Barros Lima foi preso há 14 em ocorrência muito parecida com a registrada na tarde dessa terça-feira, dia 03 de agosto, no aeroporto de Ituverava, em São Paulo.

Em 2007, o dono da aeronave foi pego, também no interior de São Paulo, pilotando outro monomotor – um Cessna Aircraft 210L, matrícula PT-JIC – abarrotado de entorpecente.

Segundo o site Campo Grande News, o flagrante de mais de uma década foi num 18 de outubro, em Guararapes (SP). No avião conduzido por Luiz Augusto, à época com 63 anos, policiais do Denarc (Departamento de Investigações Sobre Narcóticos) do estado vizinho encontraram 200 quilos de cocaína.

Na ocasião, também foram presos o proprietário do avião, José Alcir Batista, o colombiano Thel Castilho Cortes e o paraguaio Carlos Camposano Dias. O piloto sul-mato-grossense alegou que foi contratado para seguir da fronteira com a Bolívia até o interior de São Paulo e não sabia qual era a encomenda, conforme matéria publicada pelo Campo Grande News.

A polícia de São Paulo informou que, contudo, a rota do tráfico estava sendo investigada há três meses e por três dias, os policiais civis montaram campana no Aeroporto Internacional de Guararapes, região de Araçatuba, para flagrar o carregamento.

Luiz Augusto já era reincidente. Em 2002, havia sido foi condenado a cinco anos e quatro meses de prisão porque fora flagrado com 104 quilos de cocaína na região do Pantanal.

Pelo flagrante em 2007, o corumbaense respondeu pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Até 2011, ele ficou preso em Lavínea (SP), foi transferido para a Capital e depois, teve a pena perdoada por estar com sérios problemas de saúde (indulto humanitário). 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ladrão invade lava-rápido para furtar notebook e dinheiro
DOURADOS 
Ladrão invade lava-rápido para furtar notebook e dinheiro
AMAMBAI
Mulher é presa transportando 145 tabletes de maconha em rodovia
A vida boa de ser vivida - e que está ao alcance de todos!
ARTIGO
A vida boa de ser vivida - e que está ao alcance de todos!
Lojas de veículos são alvos de disparos de arma de fogo na fronteira
PONTA PORÃ
Lojas de veículos são alvos de disparos de arma de fogo na fronteira
Acidente envolvendo três carretas deixa motorista ferido e veículo tombado em MS
RIO VERDE
Acidente envolvendo três carretas deixa motorista ferido e veículo tombado em MS
LOTERIA
Mega-Sena pode sortear R$ 7 milhões neste sábado
NA CAPITAL 
Douradenses participam da final da 'Batalha de Bandas' de MS neste sábado
FRONTEIRA
Motorista acaba preso com postes de concreto 'recheados' com maconha
LEGISLATIVO DE MS
Deputado quer proibir exigência de passaporte sanitário em MS
REGIÃO 
Jovem é flagrado em rodoviária com 11 tabletes de maconha

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é encontrado morto em casa por funcionária na Vila São Brás
RACISMO
Em SP, DJ Alok recorda exclusão de integrantes do 'Brô MCs' durante show em Dourados 
TRAGÉDIA 
Motociclista morre na BR-163 em Dourados após bater em uma capivara 
DOURADOS
Júri condena jovem que matou amiga com tiro na nuca e alegou 'acidente'