Menu
Busca terça, 01 de dezembro de 2020
(67) 99659-5905
CAMPO GRANDE

Após 17 dias, gêmeas siamesas ligadas pelo tórax morrem em hospital

20 janeiro 2020 - 22h05Por Da Redação

As irmãs siamesas Maria Júlia e Luna Vitória, que nasceram ligadas pelo tórax na Santa Casa de Campo Grande, no dia 3 de janeiro deste ano, morreram na noite deste domingo (19), no hospital onde estavam internadas na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Segundo o site Midiamax, as gêmeas tiveram uma parada cardiorrespiratória. Foi feita a tentativa de reanimação das irmãs, mas sem sucesso, segundo a assessoria de comunicação do hospital.

As gêmeas estavam internadas na UTI Neonatal da Santa Casal. Elas nasceram ligadas pelo tórax. As irmãs estavam recebendo antibióticos, alimentação parenteral e sendo devidamente acompanhadas por equipes de cirurgia pediátrica, torácica e cardíaca, além das especialidades clínicas.

No último fim de semana, as gêmeas receberam transfusão de sangue por apresentarem anemia e os antibióticos foram trocados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Menina de seis anos tem nariz reconstruído após levar tiro de fuzil
FRONTEIRA
Menina de seis anos tem nariz reconstruído após levar tiro de fuzil
STF
Nunes Marques adia decisão sobre bloqueio de perfis por Bolsonaro
CAPITAL
Para traficar drogas, homem escondia maconha no guarda-roupa de filhos
FÓRMULA 1
Pietro Fittipaldi substituirá Grosjean na Haas e Brasil volta a F-1
DENÚNCIA
Mulher é presa por deixar filhos sozinhos para consumir drogas
UEMS
Inscrições para Mestrado e Doutorado em Recursos Naturais terminam na quinta
Mulher é presa levando droga ao filho em preso em dobra de cobertor
BANDEIRA VERMELHA
Conta de luz voltará a ter taxa extra a partir de amanhã, e a mais cara
Jovem encontrado morto no rio Aquidauana tinha 21 anos
BALANÇO
Desmatamento na Amazônia cresce 9,5% em um ano, aponta Inpe

Mais Lidas

PODER PÚBLICO
Gaeco volta às ruas de Dourados com nova operação
POLICIAL
Criminoso imita abordagem de polícia para cometer roubo em Dourados
BR-376
Acidente entre Dourados e Fátima do Sul deixa um morto e dois feridos
PANDEMIA
Covid volta a matar e Dourados acumula 120 vítimas da doença