Menu
Busca segunda, 06 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Turista paulista é preso com 72 kg de pescado capturados acima da cota permitida

13 março 2013 - 17h32

#####Assessoria

Policiais Militares Ambientais do Grupamento do Distrito de Águas do Miranda, em Bonito (MS) prenderam ontem à tarde um pescador amador, residente em Magda (SP), que tinha capturado 72 kg de pescado no Miranda. O pescado estava acima da cota permitida, que é de 10 quilogramas, mais um exemplar e 5 piranhas por pescador. O peixe foi apreendido.

O Turista foi preso e conduzido à delegacia de polícia civil de Bonito, onde foi autuado em flagrante por crime de pesca predatória e saiu após pagamento de fiança. A pena é de um a três anos de prisão. O pescador também foi autuado administrativamente e multado em R$ 2.410,00.

Pelo mesmo motivo, há dois dias, policais do mesmo Grupamento de Águas do Miranda tinham prendido três pescadores de Sidrolândia (MS), com 52 kg de pescado. O pescado será doado para instituições filantrópicas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Saldo da balança comercial de MS no 1º trimestre é de US$ 493 milhões
CONTRABANDO
Carro abarrotado com 1,5 mil pacotes de cigarros é apreendido
JUSTIÇA
Família de vítima de disparo de arma de fogo será indenizada
POLÍTICA
Mandetta continua no governo com apoio de militares e da cúpula do Congresso
ANASTÁCIO
Jovem morre após bate motocicleta em trator na rodovia MS-170
CORONAVÍRUS
Agepen recebe doação de álcool 70 para trabalho dos servidores nos presídios de MS
INDÚSTRIA
BRF diz que unidade de aves de Dourados está autorizada a exportar para a China
CAPITAL
Homem mata vizinho a facadas após discutir sobre limpeza de vila de casas
COVID-19
Saúde confirma segunda morte por coronavírus em MS
CORONAVÍRUS
Comitê pede cuidados básicos ao projetar aumento de fluxo nas ruas de Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Dois homens são executados por dupla de moto no Jardim Carisma
DOURADOS
Homem agride gestante e é assassinado a pauladas em favela
DOURADOS
Polícia apura que filho matou pai a pauladas após agredir a mãe grávida
COVID-19
Estado tem mais três confirmações do novo coronavírus em 24 horas, todas no interior