Menu
Busca quarta, 25 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
FRONTEIRA

Três são indiciados pelo homicídio de adolescente esquartejado

09 dezembro 2019 - 22h35Por Da Redação

Presos, desde a última quinta-feira, dia 05 de dezembro, na Penitenciaria Regional de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, acusados pelo sequestro, cárcere e morte do estudante Alex Ziole Areco Aquino, de 14 anos, os suspeitos Denise Pimentel Acosta, o marido dela Genaro Lopes Martins e um outro adolescente, também foram indiciados nesta segunda-feira, dia 09 de dezembro, pela execução brutal do garoto.

A decisão da promotora de justiça Sandra Diaz, ocorreu após forte pressão da população e imprensa local, pelo trio não ter sido enquadrado no crime de homicídio, mesmo diante das evidências levantadas pela polícia Paraguaia. No último sábado (07), durante o velório do garoto uma multidão foi as ruas em protesto cobrando justiça.

A irmã de Diana, que chegou a ser presa suspeita de envolvimento no crime, se revelou a testemunha chave da execução. Foi ela quem deu detalhes de como o garoto foi morto e denunciou a irmã e o cunhado pelo crime. A jovem, inclusive, estaria vivendo sob escolta policial após as denúncias, conforme o site Porã News.

O crime

O corpo de Alex foi encontrado esquartejado dentro de um tambor de plástico, na quinta-feira, dia 5 de dezembro, no rodoanel de Ponta Porã – a 323 km de Campo Grande. O jovem foi sequestrado e morto com um tiro na cabeça após ser torturado. Em seguida o corpo foi queimado e enterrado em uma cova rasa, depois desenterrado e deixado dentro do tambor.

Alex teria sido morto por ter brigado com um cunhado de Genaro, no banheiro da escola em que estudava, na cidade de Pedro Juan Caballero. Todos os detalhes do crime foram encontrados nos celulares dos suspeitos presos, no entanto, eles negam envolvimento com o crime.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUDICIÁRIO
Prisão domiciliar de Fabrício Queiroz será julgada pela 2ª Turma do STF
OAB avalia suspender advogado que pagava para estuprar garotas
ANASTÁCIO
OAB avalia suspender advogado que pagava para estuprar garotas
EDUCAÇÃO
UFGD sediará um dos maiores eventos do agronegócio brasileiro
PARANAÍBA
Idoso acusado de estuprar adolescentes morre antes de ser julgado
JUSTIÇA
Casal será indenizado por não ter passagens emitidas por agência de viagem
IMBRÓGLIO
TRF-3 manda UFGD encaminhar lista tríplice ao MEC
CAPITAL
Filho de massagista ajudou a esquartejar chargista e levou corpo
REGIÃO
PM captura três foragidos da justiça durante rondas em Bataguassu
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda com expectativa de liquidez global
LIBERTADORES
Partida entre Inter e Boca Juniors é adiada após morte de Maradona

Mais Lidas

VIOLÊNCIA
Mulher esfaqueia ex após discussão em hotel no Centro de Dourados
ENTERPRISE
Operação contra tráfico internacional de cocaína cumpre mandado de prisão em Dourados
CAPITAL
Funcionária de restaurante é presa em flagrante após furtar dinheiro do caixa
CRIME BÁRBARO
Suspeita de esquartejar e colocar corpo de namorado em malas se entrega à polícia