Menu
Busca sábado, 30 de maio de 2020
(67) 99659-5905
NIOAQUE

Traficante abandona Kombi com mais de uma tonelada de maconha

21 maio 2020 - 06h15Por Da Redação

Um traficante abandonou uma Kombi carregada com mais de 1,2 tonelada de maconha na madrugada desta quarta-feira, dia 20 de mio, na cidade de Nioaque.

A PM (Polícia Militar) iniciou a tentativa de abordagem ao notar que o veículo seguia com os vidros “lacrados” em direção à cidade de Anastácio. Houver perseguição até que em determinado momento, o suspeito abandonou o veículo e fugiu em meio a um matagal.

A equipe realizou buscas na região, mas não localizou o criminoso, conforme o portal O Pantaneiro. Dentro do veículos os policiais militares encontraram 1.318 tabletes de maconha, que pesaram 1.241,5 quilos da droga; 60 gramas de cocaína e 23 gramas de crack.

O veículo e a droga foram encaminhados para a Polícia Civil da cidade. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UEMS
Estudantes de MS criam robô que ajuda na prevenção do coronavírus
PANDEMIA
Primeiro caso de Covid-19 em Aquidauana pegou o vírus na Capital
JUSTIÇA
STF aprova mais 5 anos para adesão a acordo de planos econômicos
MONITORAMENTO
MS fica em 3º lugar no ranking de transparência nas informações sobre o coronavírus
COVID-19
Com mil mortes por dia, Brasil ainda não chegou ao pico da epidemia
ACIDENTE
Colisão entre carros termina em capotamento em Avenida de Coxim
DIÁRIO OFICIAL
Ministério da Justiça cria órgão para gerir fundo de segurança pública
TRÁFICO
Jovens que ganhariam R$ 2,8 mil por percurso de 2,3 mil quilômetros com drogas são presas
COVID-19
Mato Grosso do Sul tem 19 mortes por coronavírus e 1.418 confirmados
CAMPO GRANDE
Mulher de 53 anos morre após queda em banheiro

Mais Lidas

DOURADOS
Protocolo é seguido e mulher vítima do coronavírus é enterrada sem despedida de familiares
MAIORIA JOVENS
Vítima fatal da Covid-19 faz parte da faixa etária com mais casos da doença em Dourados
COVID-19
Curva segue ascendente e Dourados ultrapassa 200 casos de coronavírus
PANDEMIA
Comitê diz que Dourados não é epicentro do novo coronavírus e descarta lockdown