Menu
Busca segunda, 06 de julho de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Tio e sobrinho são presos cinco dias após roubo a conveniência

02 dezembro 2019 - 17h05Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte

Dois homens suspeitos pelo roubo de uma conveniência na noite de quarta-feira (27/11) da semana passada, na avenida José Roberto Teixeira, no Altos do Indaiá, foram presos na tarde desta segunda-feira (2/12), em Dourados. 

Ronaldo A.R.A., 29 e o sobrinho dele, Ivan. A.A.B, 18, acabaram flagrados por policiais militares da 9ª Cia na rua Orides Vitales dos Santos, no Jardim das Primaveras. 

Conforme a ocorrência, durante rondas pelo bairro a equipe avistou uma Honda CG Titan roxa com as mesmas características da denunciada no dia do crime e na abordagem, os dois confirmaram o fato. 

Na quitinete onde residem os militares encontraram os capacetes e jaquetas usados no dia do roubo, além do revólver calibre 38 municiado. Eles foram encaminhados ao 1º Distrito Policial. 

No dia do assalto, a dupla rendeu uma atendente do estabelecimento comercial e levou dela R$ 237. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Pirão solidário vai ajudar na arrecadação de agasalhos a famílias carentes
NEGÓCIOS & CIA II
Entenda a jornada de compra de seus clientes
REGIÃO
Mulher é flagrada em ônibus com mercadorias contrabandeadas
DOURADINA
TJ mantém condenação de mulher que furtou loja de amiga
BRASIL
Preço da cesta básica cai em junho em 10 capitais
ALCINÓPOLIS
Cidade com dois casos confirmados de coronavírus registra primeira morte
ECONOMIA
Preço do litro da gasolina varia 32 centavos em postos de Dourados
DOURADOS
Acusado de matar secretário é transferido à PED
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Propostas alteram regras para eleições municipais deste ano
JUSTIÇA
Médicos de Dourados são absolvidos em processo de acusação por negligência

Mais Lidas

POLÍCIA
Assassinado no Izidro é secretário de Agricultura Familiar de Dourados
DOURADOS
Ex-funcionário é o suspeito de matar secretário de Agricultura
DOURADOS
Antes do crime, homem que matou secretário havia sido demitido por não usar máscara
DOURADOS
“Um amigo, um conselheiro”, diz Délia após assassinato de secretário