Menu
Busca domingo, 09 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
CRIME EM 2017

Seis são condenados por morte de interno da PED em julgamento que durou 14h

21 novembro 2019 - 16h05Por Adriano Moretto

Demorou 14h o julgamento de nove internos apontados por envolvimento no assassinato de José Alécio dos Santos, na época com 35 anos. O crime ocorreu em fevereiro de 2017, numa das celas da PED (Penitenciária Estadual de Dourados). Na ocasião, a vítima acabou morta por estrangulamento. 

De acordo com a decisão anexada ao processo, Rogério Lourenço dos Santos, Claudinei Oliveira da Silva, Romildo Oliveira Lopes, Davidson Almiro Santos Oliveira, James Willian Rodrigues da Rocha e Gerson Nascimento de Andrade, foram condenados por “homicídio qualificado pela promessa de recompensa, pelo emprego de asfixia e pelo recurso que dificultou a defesa”. 

Outros três internos apontados pelo envolvimento no crime, Danilo Mauricio Souza Ferreira, Maycon Braga Prado e Everton Calixto Flores, terminaram absolvidos.

Considerado um dos maiores julgamentos em número de réus já ocorrido em Dourados, a sessão teve início por volta das 8h de quarta-feira (20/11) e durou aproximadamente 14h. 

Não foi divulgada a condenação de cada interno. Todos permanecem respondendo por algum tipo de crime em presídios do Estado.

O crime

Conforme denunciado pelo MPE (Ministério Público Estadual), no dia 24 de fevereiro de 2017, entre 1h30 e 3h40, parte do grupo cometeu o assassinato do detento por estrangulamento. 

A investigação descobriu que Claudinei teria encomendado o homicídio oferecendo dinheiro a outros presos. A negociação foi realizada diretamente com Rogério Lourenço que cooptou os internos do bloco da PED em que estavam. 

Já Romildo Oliveira se responsabilizou em fornecer armas artesanais para cometer o delito. 

Na data do crime, Romildo e outros internos que estavam na cela disciplinar 10, se encontraram na cela 13, a mesma onde José Alécio permanecia preso. 

Lá, ainda conforme a denúncia, Rogério entrou e usou uma corda artesanal para estrangular o rapaz, sendo esse o motivo do óbito, conforme o laudo pericial. 

No mesmo dia, com exceção de Claudinei e Romildo, os outros sete internos suspeitos de envolvimento no caso foram encaminhados ao 2º Distrito Policial de Dourados. 

Horas antes, o grupo chegou a realizar motim na galeria, que foi controlado com a chegada de policiais militares da Força Tática. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

INTERNACIONAL
Polícia entra em confronto com manifestantes em Beirute
CULTURA
Mostra traz 98 filmes de 24 países sobre questões ambientais e sociais
CORONAVÍRUS
Itália tem 463 novos casos de Covid-19 e duas mortes em 24 horas
OPINIÃO
Autossuficiência que almejamos
PANDEMIA
Brasil registra 3 milhões de casos de coronavírus e 101 mil mortes
BRASILEIRÃO
Flamengo é derrotado pelo Atlético-MG com gol contra de Filipe Luís
FUTEBOL
STJD aceita pedido do Goiás e partida contra o São Paulo é adiada
INTERNACIONAL
Doadores prometem ajuda humanitária “importante” ao Líbano
PANTANAL
Após três dias de combate, bombeiros controlam fogo que destruiu 2 mil hectares
TRÁFICO DE DROGAS
Dois são presos em carro com 259,6 kg de maconha na Capital

Mais Lidas

DOURADOS
Homicídio ocorreu após madrugada de farra e confusões na Jaguapiru
PANDEMIA
Paciente internado em Dourados morre de coronavírus
DOURADOS
Equipe do Samu se desloca para atender vítima de facadas em bairro
PANDEMIA
Cerca de 90% douradenses diagnosticados com Covid estão recuperados