Menu
Busca segunda, 01 de junho de 2020
(67) 99659-5905
CAMPO GRANDE

Professor é suspeito de usar whatsapp para aliciar e estuprar menino

12 setembro 2017 - 07h30

O estupro de vulnerável cometido contra um menino de 12 anos, em Campo Grande é investigado e o principal suspeito é um professor de teatro de 55 anos. Ele foi preso no domingo por agentes do Grupo de Operações e Investigações (GOI) da Polícia Civil e da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac).

Segundo o portal do jornal Correio do Estado, o caso foi descoberto pela mãe da vítima, após checagem no histórico de conversas do aplicativo de mensagens WhatsApp. O autor enviava mensagens de caráter sexual para o garoto e também é suspeito de violentar outro menino do grupo.

Segundo boletim de ocorrência registrado no domingo, a mãe desconfiou do comportamento do filho com relação ao professor, principalmente, porque nos últimos dias ambos estavam muito próximos.

Ainda conforme o Correio do Estado, o homem era tido como pessoa de confiança da família e não aparentava nenhum desvio de comportamento, tanto que tinha liberdade para falar com o garoto fora das aulas de teatro. Entretanto, depois de flagrar as conversas obscenas, a mulher procurou a polícia.

Na delegacia, o menino confessou com detalhes como ocorriam os estupros e disse que o professor fazia o mesmo com outro garoto.

Conforme relatado, em um dos casos, os dois tinham viajado para Ponta Porã com consentimento da mãe, já que não havia indícios de violência sexual. Ambos ficaram no mesmo quarto, na casa do irmão do autor.

Durante a noite, o menino acabou forçado a manter relações. Os atos passaram a acontecer com certa frequência, até mesmo no sábado, em plena via pública, dentro de um automóvel.

Diante do depoimento, a polícia foi até a casa do homem, situada em uma residência na região do Coronel Antonino, onde apreendeu o celular dele e notebooks. Junto do telefone da vítima, todo o material será periciado.

O menino foi encaminhado para exames de corpo de delito que possam comprovar os crimes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Projeto que cria a Lei das Fake News pode ser votado nesta terça-feira
PONTA PORÃ
Após denúncia, DOF apreende drogas sendo embaladas em residência
PANDEMIA
Taxa de ocupação de leitos de UTI para covid-19 no Rio é de 91%
ECONOMIA
Auxílio emergencial começa a ser creditado na conta de beneficiários
CASSILÂNDIA
Homem é autuado em R$ 10 mil por degradação ambiental
MATO GROSSO DO SUL
ALEMS ratifica isenção de ICMS na parcela da subvenção da tarifa de energia elétrica
PANDEMIA
Receita Federal doa mais de 9 mil produtos apreendidos para enfrentamento da Covid-19
TECNOLOGIA
Sul-mato-grossenses podem baixar aplicativo MS Digital para ter acesso a mais de 50 serviços públicos
PANDEMIA
Visitas a presídios federais estão suspensas por mais 30 dias
TECNOLOGIA
Consumo de vídeo e áudio online cresce no Brasil, aponta pesquisa

Mais Lidas

PANDEMIA
Estado alerta que Dourados deve ser cidade com mais casos de Covid-19 na próxima semana
POLÍCIA
Homem encontrado morto sob a ponte do Calarge tinha 38 anos
DOURADOS
HU emite nota de esclarecimento sobre atendimento de mulher que morreu com Covid-19
DOURADOS
Homem é encontrado morto embaixo de ponte no córrego Laranja Doce