Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99257-3397
CAPITAL

Professor é preso acusado de estuprar cinco alunas em lar beneficente

05 maio 2021 - 18h35Por Da Redação

Um professor de educação física, de 32 anos, foi preso nesta quarta-feira, dia 05 de maio, pela Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente). Ele é suspeito de estuprar ao menos cinco meninas, entre 12 e 13 anos, que faziam atividades extracurriculares em uma instituição beneficente de Campo Grande. O nome do local não foi divulgado para preservar a identidade das vítimas.

Nesta quarta, a Polícia Civil foi até a casa do professor para cumprir mandado de busca e apreensão e encontrou celular e notebook que passou por perícia. No aparelho telefônico foram encontrados vídeos dos atos sexuais e fotos sensuais das crianças. Também foram apreendidos objetos sexuais que ele usava para estuprar as vítimas.

Segundo o site Campo Grande News, a delegada Franciele Candotti contou que o homem também dá aulas em uma escola de tênis localizada no bairro Itanhangá Park.

No caso da instituição beneficente, o lar atende crianças carentes com prática de esportes, aulas, informática e atividades extracurriculares. Lá, o acusado trabalhou por sete anos  no total. Chegou a ser demitido em 2015, mas foi recontratado pouco tempo depois.

Ainda conforme informações policiais, há 6 anos, o desligamento ocorreu por ter abusado sexualmente de uma aluna, menor de idade, que não teve a idade informada. Na época, ele a puxou pelo braço, tirou a roupa e a obrigou a masturbá-lo. Ela o denunciou e o professor foi condenado pelo crime de estupro de vulnerável, mas conseguiu recorrer em liberdade..

“O que mais espanta é que ele foi demitido em 2016 porque mexeu com uma menina na sala de informática e foi registrado boletim de ocorrência, ele foi condenado e mesmo assim a gerente na época o recontratou e lá ele ficou por mais 6 anos”, lembra à delegada. Segundo ela, a responsável na época acreditou no professor e não na vítima. Em 2019 ele voltou a ser demitido, mas "por problemas administrativos".

Candotti diz que a partir de então, as denuncias de estupro contra o professor começaram a chegar e a Polícia Civil iniciou as investigações, pedindo a quebra do sigilo telefônico do suspeito.

Conforme informações da delegada, o professor é uma pessoa muito carismática, que conversava para ganhar a confiança das pessoas.

Cinco crianças de 12, 13 e 14 anos foram identificadas como vítimas do professor. Os abusos ocorriam na sala de informática e ele, inclusive, filmava as meninas fazendo sexo oral. A atual diretora reconheceu a sala onde os estupros aconteciam. Um dos detalhes é que o homem compartilhava até senha da Netflix para ganhar a confiança das alunas

O suspeito foi ouvido e alegou que houve consentimento por parte das vítimas, mas como são todas menores de 14 anos, ele irá responder por estupro de vulnerável. Duas meninas já foram ouvidas na Depca e outras três devem ser ouvidas ao longo da tarde desta quarta-feira. O caso foi registrado como estupro de vulnerável e segue em investigação.

A instituição informou que está colaborando com as investigações e prestando todas as informações necessárias para a Polícia Civil

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

STF mantém quebra de sigilo de coordenadora do PNI
JUSTIÇA
STF mantém quebra de sigilo de coordenadora do PNI
Comerciante é preso e autuado em R$ 2,3 mil por pesca predatória
CRIME AMBIENTAL
Comerciante é preso e autuado em R$ 2,3 mil por pesca predatória
Oito são presos em flagrante com armas de fogo e munições
POLÍCIA
Oito são presos em flagrante com armas de fogo e munições
Jaguatirica é resgatada em estado grave na MS 480
ANAURILÂNDIA
Jaguatirica é resgatada em estado grave na MS 480
PRF apreende cocaína em ônibus de viagem
DOURADOS
PRF apreende cocaína em ônibus de viagem
SAÚDE
Butantan deve iniciar nesta semana pré-cadastro para teste da ButanVac
MÚSICA
SoulRa apresenta show nesse domingo no YouTube
ESPORTE
Olimpíada: conjunto brasileiro de ginástica rítmica está em Tóquio
TRÁFICO DE DROGAS
Cocaína apreendida no Campo Dourado soma 81,5 quilos
ESPORTE
Juventude AG vence de 6x4 na Liga Nacional de Futsal

Mais Lidas

FLEXIBILIZAÇÃO
Decreto que libera atividades comerciais a partir de domingo é publicado
EMOCIONATE
VIDEO: Recuperada da Covid-19, douradense é recebida pela mãe em Rondônia
LOCKDOWN
Decreto flexibiliza atendimento via delivery no Dia dos Namorados em Dourados
LOCKDOWN
Fiscalização encontra funcionários dentro de filial das Casas Bahia em Dourados