Menu
Busca sexta, 23 de julho de 2021
(67) 99257-3397

Policiais israelenses aprendem língua e cultura árabe para evitar preconceito

25 julho 2007 - 13h34

Policiais israelenses começaram a estudar a cultura árabe e seu idioma nas últimas semanas para entender melhor os árabes israelenses e evitar que se repitam os distúrbios de 2000 nos quais morreram 12 jovens em confrontos com a Polícia. "A Polícia precisa ter tratamento igualitário aos cidadãos árabes israelenses e respeitar sua idiossincrasia", disse o professor Or Ben Ezra, que treina os agentes, ao jornal israelense "Ha'aretz".

Em 2000, a Polícia israelense matou 13 árabes israelenses em diferentes localidades árabes no norte de Israel onde houve uma revolta em solidariedade com os palestinos na Cisjordânia e na Faixa de Gaza após o começo da Segunda Intifada. A morte dos jovens, cidadãos de Israel, marcou um precedente nas relações entre as autoridades israelenses e a minoria árabe que vive no Estado judeu.

Os "árabes israelenses" são os palestinos que continuaram morando dentro dos limites reconhecidos do Estado de Israel quando o país proclamou a independência em 1948. Eles são considerados cidadãos israelenses, seu idioma é o árabe e se dividem entre cristãos e muçulmanos. A idéia de ensinar árabe foi sugerida pela "Comissão Or" ('luz' em hebraico) que investigou os fatos de outubro de 2000 e recomendou os cursos ao departamento de recursos humanos e ao de educação da Polícia. As aulas são dadas no norte de Israel.

Segundo relatório apresentado pela comissão em 2003, a Polícia de Israel freqüentemente trata os árabes israelenses como "inimigos" e os vê como "um grupo hostil que serve a outro sistema".

Durante o curso intensivo, os agentes também estudam situações específicas, como os casos de violência familiar denunciados por mulheres.

"Em uma situação como essa, os agentes devem entender de onde é a mulher, o meio em que ela vive e qual é o significado da honra da família na sociedade árabe", acrescentou Ben Ezra.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Com auxílio de câmeras, suspeito de roubo em posto de combustível é preso
POLÍCIA
Com auxílio de câmeras, suspeito de roubo em posto de combustível é preso
IMUNIZANTE
Fiocruz libera mais 3,8 milhões de vacinas contra covid-19 para o PNI
VIOLÊNCIA
Homem é baleado por pistoleiros em cidade da fronteira com Paraguai
Suspeito de disparos com arma de fogo é preso pela polícia civil
ARAL MOREIRA
Suspeito de disparos com arma de fogo é preso pela polícia civil
APREENSÕES
TJ/MS anuncia abertura de leilões com 77 lotes de veículos e sucatas
FUTSAL
Novato de MS quer surpreender na Taça Brasil e encara o atual campeão na estreia
POLÍCIA
Após perseguição, polícia apreende três veículos com produtos de contrabando e descaminho
POLÍCIA
Em meia hora, dois são presos por violência doméstica
ALERTA
Golpista usa nome de secretário de saúde para arrecadar fundos em falso jantar
COTAÇÃO
Dólar fecha próximo da estabilidade nesta sexta-feira

Mais Lidas

DOURADOS
Onda de frio vai embora e previsão é de termômetros acima de 30ºC
DOURADOS
Polícia fecha 'boca' na Cachoeirinha e quatro são levados à delegacia
UTILIDADE PÚBLICA
Manutenção: onze bairros podem ficar sem água em Dourados; confira a lista
VIAS DE FATO
Confusão entre "trisal" resulta em agressão e envolvidos vão parar na delegacia