Menu
Busca sexta, 30 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
REGIÃO

Polícia identifica infrator de grupo que praticou pesca predatória e divulgou ação na internet

17 outubro 2020 - 15h00Por Da Redação

Homem de 37 anos foi autuado por crime ambiental após divulgar na internet vídeo e fotos praticando pesca predatória. O caso ocorreu em Mundo Novo. 

Policiais militares de Mundo Novo receberam vídeo e fotos postados nas redes sociais, por usuários praticando crime de pesca predatória ocorrido no começo deste mês. Eram quatro pessoas, contando a que realizara a filmagem. Eles estavam à margem do rio Iguatemi nas proximidades de uma embarcação e detalhavam no vídeo que tinham capturado 178 peixes de várias espécies e os contavam no vídeo.

PMA identificou e localizou o endereço de um dos infratores, de 37 anos, residente em Iguatemi, o qual nas imagens se vangloriava de saber o local certo de captura, e foi à residência do acusado. A esposa dele afirmou que o homem estaria no Paraguai, na cidade vizinha de Salto Del Guayra e informou que ele não era pescador profissional.

Dessa forma, para verificação do ato de pesca predatória, a PMA considerou a cota de um exemplar de peixe capturado para cada pescador, portanto, acima da cota permitida. Na prática correta, os quatro pescadores poderiam ter matado apenas um espécime de pescado cada um.

Diante dos fatos, foi confeccionado um auto de infração, contra o infrator, sendo arbitrada multa de R$ 700,00. Os outros pescadores serão localizados e autuados também no mesmo valor. Os autuados responderão também por crime ambiental de pesca predatória. Se condenados pelo crime ambiental poderão pegar pena de um a três anos de detenção.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Ambiental fecha suinocultura em área protegida e autua gerente
VIREI BOIOLA
Bolsonaro faz piada homofóbica com guaraná no Maranhão; políticos reagem
AMAMBAI
Homem é preso em flagrante arrastando cadela pelas ruas
SISTEMA DE PAGAMENTO
Pix começa a funcionar no dia 3 de novembro para clientes selecionados
MEIO AMBIENTE
PMA Captura jiboia de quase três metros e arara ferida em residências
BRASIL
Justiça manda Saúde dizer se feijão do Pastor Valdemiro cura Covid-19
MS
Operação “Divisas Integradas III” apreende mais de 7 toneladas de drogas
MORTA A FACADAS
Brasileira é uma das três vítimas do atentado em Nice, na França
CAPITAL
Polícia demora 8 horas para prender, mas ladrão é solto em 3 minutos
DENTISTA
Cassems ressalta a importância da saúde bucal desde a primeira infância

Mais Lidas

DOURADOS
Enquanto filma chuva, interno mostra ‘plantação’ de maconha em cela da PED
BR-463
Homem para carro em bloqueio, desce atirando e morre em confronto com a polícia
PANDEMIA
Menino de 5 anos é a primeira criança a morrer de coronavírus em MS
PROCURADO
Acusado pela morte de ator falsificou documento e disse ter nascido em MS