Menu
Busca domingo, 05 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Polícia Federal negocia saída de índios da rodovia

18 dezembro 2003 - 12h31

A Polícia Federal foi acionada e tenta uma negociação com os índios que protestam, desde ontem, na rodovia MS 299, que liga Japorã a Iguatemi, no sul do Estado. Conforme a polícia, neste momento cerca de 2 mil índios guaranis caiuás estão as margens da estrada. Eles reivindicam demarcação de área indígena, principalmente na fazenda Acrolac, na divisa com a aldeia Porto Lindo.Conforme a Funai, a aldeia tem 2.227 habitantes, o equivalente a mil famílias, numa área de 2.429 hectares.A Funai informou que, neste ano, a área passou por estudo antropológico que apontou que a área deve ser ampliada. Os índios reivindicam a assinatura dessa portaria.O protesto teria começado na madrugada de ontem e fecha a estrada estadual, que liga Iguatemi a Japorã, e a linha internacional que dá acesso a Sete Quedas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Homem agride gestante e é assassinado a pauladas em favela
CAMPO GRANDE
Imasul mantém fechado Parque das Nações e Unidades de Conservação Estaduais
PANDEMIA
Apenas Acre e Tocantins não registram mortes por Covid-19 no Brasil
NOVA ANDRADINA
Três homens são presos transportando drogas do MS para Belo Horizonte
PANDEMIA
Brasil ultrapassa marca de 10 mil casos de covid-19
NAVIRAÍ
Líderes religiosos se reúnem para pedir fé a população durante a pandemia
CAMPO GRANDE
PM realiza ações de prevenção ao COVID-19 com limpeza e desinfecção de pelotões
ECONOMIA
Programa para financiar salários de pequenas e médias empresas é criado e aguarda regulamentação
ÁGUA CLARA
Dois jovens são presos por infringir o toque de recolher em MS
CORUMBÁ
Operação de repatriação dos brasileiros vindos da Bolívia tem reforço de helicóptero em MS

Mais Lidas

CORONAVÍRUS
Dourados registra mais dois casos de Covid-19 e MS tem 60 confirmações
ISOLAMENTO
Em 24 horas, apenas uma cidade de MS aparece vermelha no monitoramento do Governo
CORONAVÍRUS
Durante fiscalização, Guarda prende nove pessoas e notifica 60 comércios em Dourados
SUMIÇO
Família procura por jovem que está desaparecida desde a última quarta-feira