terça, 24 de maio de 2022
São Paulo
23°max
11°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
DUPLO HOMICÍDIO

Polícia diz ter identificação de assassinos de pai e filho em Amambai e segue buscas

20 janeiro 2022 - 09h34Por Gizele Almeida

A Polícia Civil divulgou nesta quarta-feira (19) que já tem a identificação dos assassinos de Olenir Nunes da Sila, 50, e Antonio Alexandre Nunes da Silva, 23, pai e filho respectivamente, e que continua as buscas. O crime ocorreu no dia 14 passado, em Amambai [relembre aqui].  

O órgão informou que conta com o apoio do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais), do DOF (Departamento de Operações de Fronteira), do Choque e da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira) na procura pelos foragidos. Não foram informados outros detalhes sobre a identidade dos autores. 


Um helicóptero tem sido usado em apoio as investigações na região.  

O crime 

Diante de informações sobre troca de tiros, inclusive reféns na Fazenda Petein, localizada na região do Chorro, na rodovia Amambai/Juti, a Polícia Civil foi até ao local e juntamente com equipes da Polícia Militar e do DOF constatou que na área externa da fazenda estava o corpo de Olenir Nunes da Silva e em um dos quartos da residência o corpo de Antonio Alexandre.  

No local foram apreendidos diversos objetos que estavam em uma mochila abandonada e provavelmente seriam produtos do roubo. Havia também a caminhonete de propriedade da vítima, a qual possuía marcas de colisão, e teria sido usada pelos criminosos na tentativa de fuga do local.  

No interior do veículo, policiais localizaram uma arma de fogo tipo pistola 7.65, sem munição, a qual foi apreendida pela Polícia Militar e apresentada a equipe da Polícia Civil.
De acordo com o levantamento realizado pelos policiais, os autores teriam chegado à fazenda e rendido Antônio, que foi executado na própria cama. 

Olenir que havia saído momentos antes deste fato, teria então retornado com um funcionário e, ao descer do veículo, foi rendido pelos autores e acabou executado com uma espingarda.

Do local, os criminosos levaram comida e coisas fúteis.

Após a dupla execução, os autores fugiram a pé pela mata.  

Crime mobiliza a sociedade de Amambai 

Nas redes sociais, populares declaram inconformidade com as execuções e apontam suspostos autores. Em publicações no Facebook, cidadãos divulgam recompensa de R$ 50 mil para quem fornecer informação sobre os suspostos assassinos de pai e filho. 

Foto interna- Vítimas fatais foram executadas em fazenda- Crédito: Divulgação 


 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Grávida morta com tiro na cabeça morreu ao tentar proteger um irmão
CAARAPÓ

Grávida morta com tiro na cabeça morreu ao tentar proteger um irmão

Lira tira deputado crítico de Bolsonaro, da vice-presidência da Câmara
CONGRESSO

Lira tira deputado crítico de Bolsonaro, da vice-presidência da Câmara

IVINHEMA

Mensagem sobre massacre viraliza entre alunos e causa pânico em escola

BRASIL

Governo anuncia corte no imposto de importação de arroz, feijão e carne

Após acidente, motociclista quase teve cabeça esmagada por ônibus

FUTEBOL

Procuradoria do STJD denuncia Cruzeiro e Grêmio por cantos homofóbicos

FRONTEIRA

Corpo encontrado no Paraguai é de jovem de Coronel Sapucaia

UEMS

Dourados sedia Congresso Nacional Estudos Linguísticos e Literários 

RIO BRILHANTE 

Homem que matou um e feriu outro é condenado a 25 anos de prisão

BOA SORTE

+Milionária: como apostar na nova loteria, que estreia no sábado

Mais Lidas

DOURADOS/ITAPORÃ

Ciclista morre atropelado na MS-156 e motorista foge

MS

Jovens escapam de sequestro após bandido acidentar carro

DOURADOS

Vítima de atropelamento na MS-156 tinha 21 anos e morava na Reserva Indígena  

REGIÃO

Mulher grávida morre após ser baleada em Caarapó