Menu
Busca quinta, 26 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
LUZ DA INFÂNCIA

Polícia deflagra nova fase de operação contra pornografia infantil em MS e 11 Estados

18 fevereiro 2020 - 07h19Por Agência Câmara

Policiais civis de 12 estados participam desde as primeiras horas da manhã desta terça-fera (18) da sexta fase da Operação Luz na Infância, que tem como objetivo de identificar autores de crimes de abuso e exploração sexual.

A operação está sendo coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) e envolve ainda as agências de aplicação da lei da Colômbia, dos Estados Unidos, do Paraguai e Panamá.

Os policiais civis cumprem mandados judiciais de busca e apreensão de arquivos com conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual praticados contra crianças e adolescentes em endereços ligados aos investigados, nos estados de Alagoas, do Acre, Ceará, Rio de Janeiro, de Goiás, do Paraná, Rio Grande do Sul, de São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, do Piauí e de Santa Catarina.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Motociclista que foi arremessado durante acidente morre em hospital
PANDEMIA
Bolsonaro diz que não há vídeo ou áudio em que chame Covid de 'gripezinha'
CRIME AMBIENTAL
Homem é preso e multado por pescar com redes durante a piracema
JUSTIÇA
Saiba como solicitar antecipação de julgamento em sessões do TJ/MS
SILVIA REGINA
Atropelada por veículo está em coma no CTI e com lesão neurológica grave
EDUCAÇÃO
UFGD recebe evento sobre produtividade agrícola e conservação do solo
PONTA PORÃ
PM aposentado reagiu a assalto que terminou com bandido morto
INTERNACIONAL
Corpo de Maradona é sepultado em cemitério na periferia de Buenos Aires
FRONTEIRA
Gerente de cassino é presa em investigação sobre quádrupla execução
JUSTIÇA
Motociclista será indenizado por acidente devido ao rompimento de cabos

Mais Lidas

VIOLÊNCIA
Mulher esfaqueia ex após discussão em hotel no Centro de Dourados
DOURADOS 
Foragido, autor de homicídio condenado a 16 anos é preso no Novo Horizonte
CRIME BÁRBARO
Suspeita de esquartejar e colocar corpo de namorado em malas se entrega à polícia
IMPROBIDADE
Caso de vereador que perdeu mandato em Dourados tem desfecho no STJ