Menu
Busca segunda, 06 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Polícia concluí inquérito de homem morto a golpes de taco de sinuca

26 fevereiro 2013 - 15h46

A equipe de Policiais Civis da Primeira Delegacia de Polícia de Fátima do Sul, chefiada pelo Delegado de Polícia Titular o Dr. Messias Furtado de Souza, concluiu nesta segunda-feira (25) o inquérito policial que apura a morte de um funcionário da empresa Fátima do Sul Agro Energia de nome Amaro Barbosa dos Santos de 50 anos.

O fato aconteceu na madrugada do dia 16 de fevereiro passado, ocasião em que Amaro foi socorrido por uma equipe do Corpo de Bombeiro Militar e encaminhado em estado grave ao Hospital local da SIAS onde faleceu em razão dos múltiplos ferimentos no abdome, cabeça e membros provocados por instrumentos cortantes e perfuro cortante que foram utilizados por seus agressores.

Após uma semana de intenso trabalho de investigação os policiais civis conseguiram identificar e prender os assassinos que foram identificados como sendo Claudimere Ferreira da Silva, de 31 anos conhecida pelo apelido de “Meire” presa no dia dos fatos e Diego Uziel Anastácio Soares de 21 anos, conhecido por “Paçoca”, ambos com passagem pela polícia por tráfico de entorpecentes.

Conforme apurado no inquérito policial instaurado para apurar os fatos, onde foram inquiridos dentre testemunhas e suspeitos cerca de 15 pessoas, após uma discussão com o acusado a vítima deixou o bar em sua motocicleta e quando retornou algum tempo depois, foi surpreendida com um soco no rosto desferido por “Paçoca” sendo que nesse momento sua companheira Meire foi até o interior do bar e se apropriou de um taco de sinuca e passou a agredir a vítima com tacadas e estocadas no corpo, deixando a mesma esvaindo em sangue em cima da calçada.

Após ferirem a vítima, o casal deixou o local sendo que foram localizados algum tempo depois por uma equipe da Polícia Militar que conseguiu prender Meire, mas “Paçoca” empreendeu fuga.

Meire foi autuada em flagrante delito sendo que o Delegado de Polícia representou pela decretação da Prisão preventiva de “Paçoca” que foi deferida em data de 19/02/2013 sendo o acusado preso por Policiais Civis em data de 21/02/2013, ocasião em que foi interrogado e indiciado pela prática de Homicídio Doloso.

Paçoca é suspeito de envolvimento em outros homicídios ocorridos na cidade de Fátima do Sul, pois a Polícia Civil tem informações de que o mesmo executa trabalho de cobrança dos fiados das bocas de fumo da cidade e que por essa razão estaria envolvido em outras mortes que estão sendo investigadas pela Polícia Civil.

O Delegado de Polícia responsável pelo caso acredita que com a prisão desse criminoso os índices de homicídio da cidade devem diminuir consideravelmente tendo em vista que todos que foram assassinados nos últimos dois anos tinham envolvimento com consumo e tráfico de entorpecente.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FRONTEIRA
Homem é assassinado com tiro na cabeça e jovem de 18 anos fica baleado
REGIÃO
Covid-19: Detran-MS altera calendário de licenciamento de 2020
FUNDERSUL
Contorno rodoviário contempla expansão portuária de Porto Murtinho
DOURADOS
Vítimas foram atingidas com 12 disparos de pistola no Jardim Carisma
TELEVISÃO
Gabi é a décima primeira eliminada do 'BBB20' com 59,61% dos votos
ELEIÇÕES 2020
Partidos que não atingirem quociente podem eleger vereadores
DOURADOS
Secretário propõe Hospital da Mulher e da Criança como referência à Covid-19
MARACAJU
Traficante é flagrando transportando 265 quilos de maconha em veículo
JUSTIÇA
Estudante que perdeu prova seletiva por atraso em voo será indenizado
CORUMBÁ
Homem morre atropelado em rodovia; motorista responsável foge

Mais Lidas

DOURADOS
Dois homens são executados por dupla de moto no Jardim Carisma
DOURADOS
Homem agride gestante e é assassinado a pauladas em favela
DOURADOS
Polícia apura que filho matou pai a pauladas após agredir a mãe grávida
COVID-19
Estado tem mais três confirmações do novo coronavírus em 24 horas, todas no interior