Menu
Busca sábado, 04 de abril de 2020
(67) 9860-3221

PMA prende turista paulista por pescar em período de piracema

11 fevereiro 2013 - 09h55

Policiais Militares Ambientais de Aquidauana realizavam fiscalização fluvial no rio Aquidauana ontem à tarde durante a Operação Carnaval e prendeu um turista paulista que pescava em período de piracema. Os policiais surpreenderam o pescador em uma embarcação no momento em que ele começava a pescaria ilegal e ele ainda não havia capturado nenhum peixe. Com ele foram aprendidos um barco, um motor de popa e dois molinetes.

O homem, residente em Americana (SP), recebeu voz de prisão e foi conduzido à delegacia de Polícia Civil de Aquidauana, juntamente com o material apreendido, onde ele foi autuado em flagrante por crime ambiental de pesca predatória. Se condenado pelo crime ambiental poderá pegar pena de um a três anos de detenção. O autuado também foi multado administrativamente em R$ 700,00.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Polícia localiza jovem que estava desaparecida desde quarta-feira
POLÍTICA
'Médico não abandona paciente', diz Mandetta sobre eventual demissão
CAPITAL
Mulher vê filha ser estuprada pelo avô que também a violentou quando criança
COVID-19
Saúde de MS recebe seis mil testes rápidos para diagnóstico do coronavírus
FRONTEIRA
Polícia Militar apreende 327 quilos de maconha em dois veículos
Marie Claire
Ex-BBB20 Felipe Prior é acusado de violentar mulheres, diz revista
SEU BOLSO
Governo antecipa prazo final de saque do abono do PIS-Pasep
JUSTIÇA
Mulher ofendida por rede social será indenizada por dano moral
ESCOLTA
PRF realiza escolta no repatriamento de brasileiros vindos da Bolívia
SAÚDE
Estudantes da UFGD criam site para divulgar dados atualizados da covid-19

Mais Lidas

DOURADOS
Exame de jovem que morreu no HU testa negativo para coronavírus
COVID-19
Dourados tem mais um caso confirmado de coronavírus
DOURADOS
Jovem morre no HU e município pede agilidade no resultado do exame de coronavírus
CORONAVÍRUS
Dourados registra mais dois casos de Covid-19 e MS tem 60 confirmações