Menu
Busca sábado, 28 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
ESTELIONATO

Nem sequestro livrou homem de voltar a aplicar golpes em viagens

26 dezembro 2019 - 22h05Por Da Redação

Na polícia e nas redes sociais é possível encontrar reclamações relacionadas à venda de pacotes de viagens por Andrews Crislley de Carvalho Reis. O agente de viagens é acusado de golpe e não é de agora. Em 2017, problema na emissão de passagens despertou revolta e motivou seu sequestro pelo Policial Militar, Juliano Silveira Pinto.

Desta vez, uma das supostas vítimas registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil, em Campo Grande, no dia 19 de dezembro deste ano. Entre, setembro e outubro, o cliente, que preferiu não se identificar, negociou a compra de nove pacotes de viagens nacionais no valor de aproximadamente R$ 10 mil. “Ele emitiu apenas três bilhetes dos primeiro pacotes”, relatou.

À polícia, o cliente relatou que a negociação foi feita via WhatsApp e o valor foi depositado integralmente em conta corrente no nome de Andrews. Diante dos problemas, na emissão das passagens, a vítima efetuou pesquisa nas redes sociais e constatou diversas reclamações relativas à venda de pacotes pelo agente de viagens.

A reportagem do site Campo Grande News entrou em contato com o acusado pelo telefone, mas ele não atendeu. Pelo número de WhatsApp disponibilizado para a compra dos pacotes, a mensagem automática oferece o serviço de cotação de viagem. Após questionado sobre as acusações, Andrews afirmou que já falava com a reportagem e que a história “não era bem assim”. No entanto, ele não falou mais nada.

Sequestro

Em Julho de 2017, Andrews, junto com um funcionário, foi vítima de um sequestro. O policial militar Juliano Silveira Pinto, 34 anos, e o sogro dele, o corretor de imóveis Claudenir Ricci, 63 anos, foram presos por ameaçar, sequestrar e manter Andrews em cárcere privado.

Na época, Andrews vendeu passagens aéreas por R$ 2.500 para Claudenir, mas não emitiu os bilhetes. Para receber as passagens, Claudenir e o PM teriam sequestrado o homem. Eles pagaram fiança e foram liberados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agepen institui comissão para regulamentar critérios na seleção de reeducandos para o trabalho
ESTADO
Agepen institui comissão para regulamentar critérios na seleção de reeducandos para o trabalho
STJ
Joesley Batista terá de pagar R$ 300 mil a Michel Temer por danos morais
Perícia no tapa-buracos de Dourados deve ter resultado preliminar na segunda-feira
INVESTIGAÇÃO
Perícia no tapa-buracos de Dourados deve ter resultado preliminar na segunda-feira
Mais de R$ 500 milhões estão disponíveis para saques dos servidores estaduais
SALÁRIOS
Mais de R$ 500 milhões estão disponíveis para saques dos servidores estaduais
Beneficiário do Bolsa Família receberá por poupança digital
BRASIL
Beneficiário do Bolsa Família receberá por poupança digital
PANDEMIA
Campo Grande e Dourados lideram novos diagnósticos de Covid-19
INTERIOR
Pescador leva multa de R$ 1,5 mil na piracema
DOURADOS
Decreto é republicado por incorreção, agora com brechas para esporte coletivo e boliche
STF
Governador de MT questiona leis estaduais sobre veículos apreendidos e cassação da CNH
DOURADOS
Ex-secretário alvo da Operação Pregão tentou receber carteira da OAB na cadeia

Mais Lidas

DOURADOS
Com leitos de UTI's lotados, prefeitura aumenta toque de recolher e manda fechar clubes
DOURADOS
Júri condena membros de grupo de extermínio a mais de 100 anos de prisão
PEDRO JUAN
Quatro corpos são encontrados enterrados na fronteira
BONITO
Mãe de bebê também morre após carro bater em coqueiro na MS-382