Menu
Busca domingo, 24 de outubro de 2021
(67) 99257-3397
CAMPO GRANDE

Mulher trans encontrada morta em árvore era formada em Artes Cênicas

29 setembro 2020 - 20h05Por Da Redação

Para a Polícia, não tem outra linha de investigação a não ser o suicídio por enforcamento como causa da morte da mulher trans encontrada na árvore, na região do córrego Buriti Lagoa, na manhã desta terça-feira, dia 29 de setembro, no Bairro São Conrado, em Campo Grande.

A Polícia também a identificou, pelos documentos, com o nome de registro. Ela tinha 28 anos e usava o nome social de: Sucia Labasura Constantino Barbosa. Formada em Artes Cênicas pela UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados),

Segundo o site Campo Grande News, Sucia era artista, foi bailarina fazendo parte do grupo DOME e no Studio Blanche Torres, em Dourados até 2012. Atualmente ela trabalhava na produção de cosméticos naturais.

Se identificando como mulher trans não binário, Sucia foi notícia em manifestos artísticos nus na cidade de Dourados nos anos anteriores. Seu trabalho era baseado na dança, sexualidade, gênero, performance e diversidade, quando ainda se identificava como Stelio Constantino Barbosa.

Tudo intenso

"Ela viveu intensamento tudo. Nada era morno, não tinha meio termo, não tinha passar pano para LGBTfobia nem para o machismo", sem se identificar, é assim que um amigo bem próximo, também artista, via Sucia. Nas redes sociais e grupos de WhatsApp, os amigos começam a se manifestar.

O corpo foi encaminhado para o Imol (Instituto Médico Odontológico Legal). “Não tem outra linha de investigação a não ser que o IML diga que não foi. corpo foi encaminhado para confirmação”, disse o delegado da 6ª Delegacia de Polícia Civil  Giuliano Baiacio.

Caso

Moradores do bairro avistaram o corpo pendurado em uma árvore no início da manhã de hoje, na trilha utilizada para caminhada.

Uma das vizinhas reconheceu Sucia pelos sapatos. Segundo relatos da vizinhança, ela sempre caminhava pela região.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TST considera fraudulento contrato de jogador e reconhece natureza salarial do direito de imagem
BRASIL
TST considera fraudulento contrato de jogador e reconhece natureza salarial do direito de imagem
LAVA JATO
Justiça Eleitoral vai julgar ação sobre empréstimo de R$ 12 milhões ao banco Schahin
MUNDO
Biden e Macron discutem defesa europeia e se reunirão em Roma
Jovem é autuado pela PMA por maus-tratos a uma cadela Pit Bull
MS
Jovem é autuado pela PMA por maus-tratos a uma cadela Pit Bull
Ministra Cármen Lúcia suspende reintegração de posse em Rondônia
STF
Ministra Cármen Lúcia suspende reintegração de posse em Rondônia
RIO MIRANDA
Catarinenses são multados em R$ 1,8 mil por pesca predatória em Bonito
JUDICIÁRIO
STJ define retorno de sessões presenciais para fevereiro de 2022 e dia de eleição para ministros
CAPITAL
Presidente do TJMS recebe medalhão comemorativo aos 100 anos da Justiça Militar
ROTINA
Trabalho híbrido pode piorar qualidade do sono, diz pesquisador
DOURADOS
Estado licitará na próxima semana R$ 20 milhões para revitalizar Coronel Ponciano

Mais Lidas

TRÁFICO
Mortos em queda de helicóptero com cocaína na fronteira são identificados
PRESIDENTE VARGAS
Escola dispensa alunos em Dourados após mensagens de ameaças
DOURADOS
Print tirado de conversa entre alunos resultou em mal-entendido e levou pânico a escola
DOURADOS
Homem é removido de grupo de whats e procura a delegacia