Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
CAMPO GRANDE

Mulher esfaqueia marido e vai parar na delegacia com filhos pequenos

12 dezembro 2019 - 21h20Por G 1

Uma mulher de 30 anos foi parar na delegacia com o dois filhos de 4 e 3 anos após esfaquear o marido depois de uma discussão ocorrida nesta quarta-feira, dia 11 de dezembro, em Campo Grande. De acordo com a polícia, o homem foi socorrido e encaminhado para a Santa Casa.

Conforme a ocorrência policial, o casal estava em casa quando se desentenderam. Uma denuncia anônima levou policiais militares até a casa da família. O homem foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e seu quadro de saúde é considerado estável.

Segundo a polícia, um representante do Conselho Tutelar foi até a delegacia e uma assistente social acompanha a ocorrência. O caso foi registrado como lesão corporal dolosa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SIDROLÂNDIA
Briga generalizada após bebedeira acaba com homem morto a facadas
CONGRESSO
Após 6 meses de sessões remotas, Senado retoma votações presenciais
DOURADOS
Motorista bêbado atropela cinco pessoas que voltavam da igreja no Novo Horizonte
TRÁFICO
Mais de 130 quilos de maconha são apreendidos em residência abandonada
QUEIMADAS
PMA aguarda laudo para autuar fazendas por crime ambiental no Pantanal
CORUMBÁ
Jovem é morto a facadas e namorada de 17 anos é suspeita do crime
REGIÃO
IFMS abre 1.520 vagas para cursos técnicos em dez municípios
TV DOURADOS NEWS
Sargento Cidão comenta sobre os 28 anos de serviços prestados na Polícia Militar
DOURADOS
Entidades têm até hoje para se inscrever no Núcleo Gestor da revisão do Plano Diretor
AMAMBAI
Veículo que seguia com mais de meia tonelada de maconha foi apreendido

Mais Lidas

RIO BRILHANTE
Homem de 56 anos cai de trator e morre atropelado em fazenda
ESTADO
Confraternização em fazenda termina com tragédia após briga familiar
TRAGÉDIA
Bombeiro em Dourados morre durante acidente em Santa Catarina
DOURADOS
Amigos e familiares de entregador morto em acidente pedem que justiça seja feita