Menu
Busca terça, 15 de junho de 2021
(67) 99257-3397
CRIME AMBIENTAL

Animais são abandonados, morrem e mulher é multada em R$ 4 mil

10 maio 2021 - 21h05Por Da redação

Mulher, de  33 anos, foi autuada pela PMA (Polícia Militar Ambiental), em R$ 4 mil, após se mudar e deixar na antiga residência cinco cachorros, dos quais um morreu e, ainda galinhas e galos.  

Policiais militares ambientais de Três Lagoas receberam denúncias de moradores a respeito de maus-tratos a animais, por abandono sem alimento e água em uma residência, localizada no bairro Jardim da Violetas II.

Ao averiguar o fato, neste domingo (09), policiais obteram informações de que a mulher que residia no local, havia se separado do marido há aproximadamente cinco meses e,  há pelo menos quatro dias teria se mudado, deixando vários cachorros e galináceos trancados na casa e quintal sem acesso a água ou comida. 

Os vizinhos afirmaram que era possível ouvir todos os dias os uivos dos animais que padeciam de fome e sede. Eles relataram ainda, que por pena dos animais, colocavam ração pela fenda do portão e davam água por cima do muro. 

A equipe adentrou à residência e verificou que a casa estava desabitada e foram encontrados oito animais, sendo três galináceos e cinco cachorros, dos quais, dois galináceos e um cachorro já estavam mortos.

Foi constatado no local que um cachorro estava na rua e dois estavam no quintal. Havia ainda mais dois cachorros trancados no interior da residência (um morto) e os três galináceos também estavam no quintal (dois mortos).

Os animais sobreviventes estavam extremamente desnutridos e em situação de penúria, em razão do tempo sem alimento e água. No quintal ainda havia muita sujeira, dejetos dos animais, bem como as carcaças dos bichos mortos. Os bichos sobreviventes foram apreendidos e deixados aos cuidados de outras pessoas voluntárias e a carcaça dos animais mortos tiveram o descarte ao aterro sanitário.

Os policiais procederam a autuação administrativa, sendo arbitrada multa de R$ 4mil. Mesmo que a infratora não seja encontrada, será notificada por edital, e a multa constará em seus dados, depois do julgamento pelo órgão ambiental. 


A qualificação da criminosa foi encaminhada à delegacia de Polícia Civil e ela também responderá por crime ambiental de maus-tratos a animais, que no caso envolvendo cães, a pena é de dois a cinco anos de reclusão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PMA intensifica combate a caça ilegal e quatro pessoas acabam presas
PMA intensifica combate a caça ilegal e quatro pessoas acabam presas
Dois pacientes de Dourados com Covid estão em estado gravíssimo em Rondônia
PANDEMIA
Dois pacientes de Dourados com Covid estão em estado gravíssimo em Rondônia
DEPUTADOS
Câmara aprova urgência para revisão da Lei de Improbidade Administrativa
Pelo menos 30 estabelecimentos foram notificados no primeiro dia útil pós-lockdown
DOURADOS
Pelo menos 30 estabelecimentos foram notificados no primeiro dia útil pós-lockdown
Veículo furtado é recuperado em cruzamento
POLÍCIA
Veículo furtado é recuperado em cruzamento
POLÍCIA
Com maconha escondida no MS, adolescente é detido em São Paulo
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda de 0,53%, à espera das decisões de política de juros do Fed e do Copom
FARMÁCIA SOLIDÁRIA
Programa vai auxiliar famílias de baixa renda com distribuição de medicamentos
PONTA PORÃ
Polícia estoura entreposto e apreende quase uma tonelada de maconha
PANDEMIA
Procon intensifica fiscalização nas filas de estabelecimentos em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Adolescente morre atropelado na BR-163 e condutor foge do local
REGIÃO
Homem é executado a tiros na rodoviária de Nova Alvorada do Sul
DOURADOS
Jovem é encontrado caído em via na área central e estado de saúde é grave
DOURADOS
Homem tem carro furtado depois de ir com quatro pessoas para motel na BR-463