Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99257-3397
POLÍCIA

Motorista andou pelo menos 1,5 km com namorada pendurada no capô

16 maio 2021 - 16h40Por Da Redação

O rapaz de 19 anos preso em flagrante por dirigir embriagado e acusado de feminicídio, teria circulado por pelo menos 1,5 quilômetros com a namorada pendurada no capô do carro que ele conduzia. A ação foi flagrada por câmeras de segurança em imagens obtidas pela Polícia Civil de Campo Grande.

O caso aconteceu na madrugada de ontem (15) e Mariana Vitória Vieira Lima, de 19 anos, acabou morrendo após um acidente com batida. O veículo Toyota Etios era conduzido pelo namorado dela, Rafael Carrelo, também de 19 anos.

A polícia ainda investiga os detalhes do acidente e ainda não é possível saber ao certo quem é a pessoa agarrada na parte externa do veículo, na cena que foi flagrada pelas câmeras de segurança. Se for Mariana, seria possível afirmar, conforme apurado pelo site Campo Grande News, que a jovem passou pelo menos três minutos em cima do carro até o namorado perder o controle da direção, bater em um meio-fio, atropelar e matar a vítima.

As imagens divulgadas pela Polícia Civil foram extraídas do circuito de segurança de farmácia localizada no cruzamento da Afonso Pena com a Rua Espírito Santo. Na gravação o Etios aparece passando pela avenida com uma pessoa dependurada. O acidente que matou Mariana aconteceu mais a frente, na Avenida Arquiteto Ruben Gil de Camilo, que liga a Afonso Pena à Via Parque.

Na versão dada por Rafael em depoimento, ele e a namorada estavam 'brincando' quando tudo aconteceu. Primeiro, ela pegou a direção e ele se deitou no capô. Depois, ele assumiu a condução e ela ficou pendurada até o motorista perder o controle do veículo e atropela-la. Não está claro, portanto, qual dos dois aparece no ponto onde a cena foi filmada, mas a perícia das imagens vai determinar.

A investigação

O acidente aconteceu por volta das 4h30 do sábado. Rafael foi preso em flagrante, no local da tragédia, por dirigir embriagado – ele passou por teste do bafômetro que apontou 0,89 miligramas de álcool por litro de ar expelido dos pulmões – e será investigado por feminicídio. A Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) vai apurar se houve intenção de matar ou dolo eventual (quando o autor assume o risco de provocar a morte de alguém).

Segundo a Joilce Silveira Ramos, da Deam, o rapaz deu duas versões sobre o que causou a morte de Mariana. A primeira, ainda no local do acidente, disse que ela estava dirigindo e em certo momento trocaram o volante. Então, quando ele quis dirigir, ela subiu no capô para tentar impedi-lo. Só depois, ele afirmou que ser tratava de brincadeira.

O jovem está preso e o MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) já fez pedido para que o rapaz fique na cadeia preventivamente.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Jaguatirica é resgatada em estado grave na MS 480
ANAURILÂNDIA
Jaguatirica é resgatada em estado grave na MS 480
PRF apreende cocaína em ônibus de viagem
DOURADOS
PRF apreende cocaína em ônibus de viagem
Butantan deve iniciar nesta semana pré-cadastro para teste da ButanVac
SAÚDE
Butantan deve iniciar nesta semana pré-cadastro para teste da ButanVac
SoulRa apresenta show nesse domingo no YouTube
MÚSICA
SoulRa apresenta show nesse domingo no YouTube
Olimpíada: conjunto brasileiro de ginástica rítmica está em Tóquio
ESPORTE
Olimpíada: conjunto brasileiro de ginástica rítmica está em Tóquio
TRÁFICO DE DROGAS
Cocaína apreendida no Campo Dourado soma 81,5 quilos
ESPORTE
Juventude AG vence de 6x4 na Liga Nacional de Futsal
ESPORTE
Após idas e vindas, Copa América começa neste domingo, no Brasil
DOURADOS
Aglomeração termina em prisão no Canaã III
PANDEMIA
MS registra mais 1.138 novos casos neste domingo

Mais Lidas

FLEXIBILIZAÇÃO
Decreto que libera atividades comerciais a partir de domingo é publicado
EMOCIONATE
VIDEO: Recuperada da Covid-19, douradense é recebida pela mãe em Rondônia
LOCKDOWN
Decreto flexibiliza atendimento via delivery no Dia dos Namorados em Dourados
LOCKDOWN
Fiscalização encontra funcionários dentro de filial das Casas Bahia em Dourados