domingo, 21 de abril de 2024
Dourados
25ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
FRAUDES AOS COFRES PÚBLICOS

Investigação encontra nova ramificação de organização e cumpre 8 mandados de prisão

03 abril 2024 - 08h18Por Adriano Moretto

A terceira fase da Operação Tromper, responsável pela investigação de esquema de corrupção na prefeitura de Sidrolândia, cumpre oito mandados de prisão e mais 28 de busca e apreensão. 

Desde o início da manhã desta quarta-feira (3/4), policiais militares do Gecoc (Grupo Especial de Combate à Corrupção) e Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), realizam os trabalhos. 

Um dos alvos identificados é o vereador de Campo Grande Claudinho Serra (PSDB). As equipes cumpriram mandado de busca e apreensão na residência dele, localizada em um condomínio de luxo na capital. 

De acordo com o MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), durante as investigações descobriu-se uma nova ramificação da organização criminosa que atua em esquema de fraudes em licitações e contratos com a administração municipal de Sidrolândia. 

Os acordos firmados incluem empresas atuantes no ramo de engenharia e pavimentação asfáltica. A estimativa é que os contratos já identificados alcancem em torno de R$ 15 milhões. 

“O desdobramento das investigações, conduzidas pelo GECOC, ratificou a efetiva existência de uma organização criminosa voltada a fraudes em licitações e contratos administrativos com a Prefeitura Municipal de Sidrolândia, bem como o pagamento de propina a agentes públicos municipais. Também foi identificada nova ramificação da organização criminosa, atuante no ramo de engenharia e pavimentação asfáltica. Os contratos já identificados e objetos da investigação alcançam o montante aproximado de R$ 15.000.000,00”, diz nota encaminhada pelo Ministério Público.

A operação desta quarta contou ainda com o apoio operacional do BOPE (Batalhão de Operações Policiais Especiais), do Batalhão de Choque e da Força Tática da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul, além da assessoria militar do MPMS.

"Tromper", verbo que dá nome à ação, traduz-se da língua francesa como ‘enganar’.

No ano passado, duas fases da operação ocorreram em um intervalo de aproximadamente dois meses. A primeira foi realizada em maio e a segunda etapa, em julho, investigando fraudes nesses processos. 
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil garante vaga na prova do revezamento misto dos Jogos de Paris
ESPORTE

Brasil garante vaga na prova do revezamento misto dos Jogos de Paris

ENCONTRO DE LÍDERES RURAIS

Produtoras de café e cacau contam como lidam com mudanças climáticas

MATO GROSSO DO SUL

Pequenos produtores aderem projeto que insere agricultura familiar no mercado de créditos de carbono

Rayssa Leal conquista etapa da Liga Mundial de Street Skate
TÍTULO

Rayssa Leal conquista etapa da Liga Mundial de Street Skate

Safra de cana 2024/25 entra em campo com risco de perder produtividade
PRODUÇÃO

Safra de cana 2024/25 entra em campo com risco de perder produtividade

CAPITAL

Pane provoca incêndio em casa e susto em local de festa

TECNOLOGIA

Brasil é campeão no Mundial de Robótica em Houston

AGROPECUÁRIA

Comissão ouve ministro do Desenvolvimento Agrário sobre planos da Pasta para este ano

FUTEBOL

Sem o título, Dourados perde ainda duas vagas para competições nacionais

CAMPEONATO ESTADUAL

Operário domina partida, vence o DAC por 3 a 1 e conquista o título Estadual

Mais Lidas

COTAÇÃO

Soja segue em destaque no mercado do agro em Dourados, confira cotação

DOURADOS

Jovem morre a caminho de hospital após ser atingido por facada no abdômen

DOURADOS

Justiça manda arquivar processo de improbidade contra envolvidos na Operação Pregão

DOURADOS 

Jovem é estuprada após ser abordada por desconhecido em Saveiro branco