Menu
Busca segunda, 06 de julho de 2020
(67) 99659-5905
PARANAÍBA

Homem é preso tentando furtar caixa de cerveja de conveniência

09 dezembro 2019 - 21h35Por Da Redação

Um homem de 38 anos foi preso pela Polícia Militar neste domingo, dia 09 de dezembro, em Paranaíba, cidade localizada na rwegião Leste do Estado, depois de tentar furtar uma caixa de cerveja em uma conveniência. Ele foi detido por populares.

Segundo nota, por volta das 16 horas os policiais foram acionadas para comparecer ao estabelecimento, porque havia um suspeito de furto detido. No local, os policiais foram informados pelo dono, que o homem já havia cometido furto de uma caixa de cerveja.

Não satisfeito, ele voltou para o local para pegar mais uma, mas foi flagrado por populares e detido na calçada. Os policiais então verificaram câmeras de segurança e constataram que o homem tinha agido no local, motivo pelo qual foi preso e encaminhado à Polícia Civil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Aumento de casos faz Saúde dobrar testes rápidos na Capital
BRASIL
Multas à Vale pelo rompimento de Brumadinho serão aplicadas em obras
DOURADOS
Egressa de Arquitetura e Urbanismo da Unigran publica artigo em renomada revista da área
MEIO AMBIENTE
Usina é multada em quase R$ 300 mil por incêndio em lavoura
BRASIL
Produção de veículos tem queda de 50,5% no 1º semestre, afirma Associação
CRIME AMBIENTAL
Proprietário é multado em R$ 70 mil por degradação de área protegida
MATO GROSSO DO SUL
Desrespeito ao isolamento continua favorecendo a Covid, afirma Saúde
ECONOMIA
BNDES investe em fundo que apoia empresas de médio porte
DOURADOS
Com data marcada para retomar voos diários, Aeroporto passa por desinfecção
BRASIL
MEC define critérios para repasses do programa Educação Conectada

Mais Lidas

POLÍCIA
Assassinado no Izidro é secretário de Agricultura Familiar de Dourados
DOURADOS
Ex-funcionário é o suspeito de matar secretário de Agricultura
DOURADOS
Antes do crime, homem que matou secretário havia sido demitido por não usar máscara
DOURADOS
“Um amigo, um conselheiro”, diz Délia após assassinato de secretário