Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
MUNDO NOVO

Homem é executado por pistoleiros após perseguição

14 fevereiro 2020 - 11h01Por Da Redação

Sandro Guedes dos Santos, 53, foi assassinado a tiros na manhã desta sexta-feira (14/2), em Mundo Novo, cidade localizada na região Sul do Estado. Ele estava em uma motocicleta quando foi morto.

Conforme o Campo Grande News, o crime aconteceu por volta das 6h30, quando Sandro estava transitando com sua motocicleta sendo perseguido e fechado pelo carro, de cor preta.

Os pistoleiros, então, efetuaram vários disparos contra o rapaz que ficou caído na rua. 

A vírima chegou a ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada para o hospital, porém, não resistiu. No local a polícia encontrou cinco cápsulas deflagradas e quatro intactas de pistola.

A polícia procura pelos autores e não há informações sobre a motivação para o crime.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BR-463
Trio é preso com caminhonete furtada a caminho do Paraguai
ELEIÇÕES 2020
Mauro Thronicke registra candidatura e os 7 apontados em convenções vão à disputa pela prefeitura
PANDEMIA
MS se aproxima de 68 mil casos e soma mais 15 mortes por Covid-19
CONTRABANDO
Carreta é apreendida transportando mais de 40 mil pacotes de cigarros
PANDEMIA
Douradense morre em hospital e município contabiliza 93 óbitos por coronavírus
MEIO AMBIENTE
Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS
BRASIL
Bolsonaro continua apresentando ótima evolução clínica
FUTEBOL
Águia Negra encara Real Noroeste em busca da primeira vitória na Série D
MARACAJU
Mulher é presa por tráfico na frente de filha de 3 anos e bebê
DOURADOS
Guarda cumpre mandado e prende ‘Maldita’ durante festa na Cachoeirinha

Mais Lidas

POLÍCIA
Caminhoneiro de Dourados morre ao capotar na serra de Maracaju
PANDEMIA
Novo decreto diminui toque de recolher e libera venda de bebidas em bares até as 23h
PROSSEGUIR
Governo atualiza mapa da Covid e Dourados volta para "bandeira vermelha"
PONTA PORÃ
Polícia apreende comboio com contrabando avaliado em R$ 1 milhão