Menu
Busca sexta, 25 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
LADÁRIO

Homem é executado na frente da esposa

10 março 2020 - 11h10Por Da Redação

João Henrique Souza Justiniano, 19, foi executado na frente da esposa na noite de segunda-feira (10/3), em Corumbá. O caso ocorreu na rua Dom Aquino, entre a Corumbá e Afonso Pena, no bairro Santo Antônio, em Ladário.

Conforme o portal do jornal Diário Corumbaense, dois homens em uma motocicleta chegaram e realizaram os disparos.

A vítima foi baleada na região do pescoço, rosto, antebraço direito e no lado esquerdo do tórax. O jovem chegou a ser levado em um veículo particular para um posto de saúde no bairro Almirante Tamandaré, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O caso foi registrado como homicídio qualificado pela traição, de emboscada, ou mediante dissimulação ou outro recurso que dificulte ou torne impossível à defesa do ofendido. A Polícia Civil de Ladário investiga o homicídio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
UEMS sedia XV Jornada Nacional de Linguística e Filologia em novembro
CRIME AMBIENTAL
Homem é preso e autuado por capturar e abater peixe com pesca proibida
QUEIMADAS
MS vai receber mais R$ 1,35 milhão para combate a incêndios florestais
TRÊS LAGOAS
Morto a tiros em lanchonete teria conversado com a ex do assassino
SUPREMO
Celso de Mello antecipa aposentadoria e deixará STF em 13 de outubro
JUSTIÇA
Motorista embriagado deve indenizar vítima de acidente de trânsito
SEGUE INTERNADO
Motorista baleado durante golpe do falso frete é de Dourados
ELIMINATÓRIAS
Matheus Cunha é convocado para seleção na vaga de Gabriel Jesus
POLÍCIA
Caminhoneiro de Dourados morre ao capotar na serra de Maracaju
MS
Veículos apreendidos com drogas são leiloados virtualmente

Mais Lidas

PANDEMIA
Novo decreto diminui toque de recolher e libera venda de bebidas em bares até as 23h
ACIDENTE
Mulher envolvida em acidente no Centro ficou presa às ferragens de veículo
PROSSEGUIR
Governo atualiza mapa da Covid e Dourados volta para "bandeira vermelha"
POLÍCIA
Homem morre ao tentar invadir delegacia de Glória de Dourados