Menu
Busca quinta, 26 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
CAPITAL

Grávida de 5 meses é socorrida após ser ferida com facada na barriga

14 dezembro 2019 - 09h24Por Da Redação

Mulher de 34 anos, grávida de cinco meses, foi socorrida em estado grave após ser esfaqueada na região da barriga durante uma briga. Segundo o site Campo Grande News, o caso ocorreu na noite desta sexta-feira, dia 13 de dezembro, no bairro Portal da Lagoa, na Capital.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima relatou à polícia que estava no próprio estabelecimento, onde vende pasteis, quando começou uma briga. Ela tentou separar a confusão e acabou golpeada com uma facada na barriga.

Grávida, ela foi socorrida pelo marido e encaminhada em estado grave para a Santa Casa da Capital. Ela permanece internada na área vermelha do hospital.

A suspeita de ter ferido a vítima foi identificada. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro de Campo Grande.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Motociclista será indenizado por acidente devido ao rompimento de cabos
BATAGUASSU
Marido esgana esposa, quebra celular e rasga dinheiro após discussão
REGIÃO
Detran/MS de Ponta Porã recebe pagamento de guias com cartões de débito
NOVA ALVORADA
Trabalhador morre atingido por barra de ferro no dia do aniversário
NÚMEROS DA PANDEMIA
Brasil registra 698 mortes por Covid em 24 horas e total soma 171,4 mil
CAMPO GRANDE
Preso é flagrado com 100 porções de cocaína no Centro de Triagem
JUDICIÁRIO
STF autoriza remarcação da data de concursos por crença religiosa
CAPITAL
Depoimento de assassino contradiz versão de pai sobre morte de Everton
PRESIDENTE INVESTIGADO
Bolsonaro diz que não vai depor em inquérito sobre interferência na PF
JARDIM
Homem é multado por derrubar árvores e incendiar a madeira ilegalmente

Mais Lidas

VIOLÊNCIA
Mulher esfaqueia ex após discussão em hotel no Centro de Dourados
DOURADOS 
Foragido, autor de homicídio condenado a 16 anos é preso no Novo Horizonte
CRIME BÁRBARO
Suspeita de esquartejar e colocar corpo de namorado em malas se entrega à polícia
IMPROBIDADE
Caso de vereador que perdeu mandato em Dourados tem desfecho no STJ