Menu
Busca sexta, 27 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
CAMPO GRANDE

Gangue ataca e fere travesti com golpe de facão na cabeça

08 janeiro 2020 - 09h10Por Da Redação

Grupo de quatro pessoas atacou e deixou ferido uma travesti na madrugada desta quarta-feira (8/1) em Campo Grande. O caso ocorreu no bairro Universitário e a vítima acabou atingida com um golpe de facão na cabeça. 

De acordo com o Midiamax, ela contou na delegacia que faz ponto nas proximidades da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Universitário, quando por volta de 0h a gangue chegou em uma Brasília, de cor branca, desceram armados com um facão e desferiram um golpe.

Ainda de acordo com a travesti, ela pediu socorro no terminal de ônibus e o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi chamado. A travesti foi levada para a UPA e atendida sendo liberada logo em seguida.

Não há informações sobre as características dos autores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UEMS
Live sobre novo gerenciador do e-mail institucional será nesta sexta
Após vitórias, seleção mantém 3ª posição do ranking da Fifa
FUTEBOL
Após vitórias, seleção mantém 3ª posição do ranking da Fifa
ECONOMIA
Dólar fecha em queda nesta sexta e recua na semana com clima global mais otimista
Empresas de turismo são denunciadas por tentar atrair onças com alimentos
MEIO AMBIENTE
Empresas de turismo são denunciadas por tentar atrair onças com alimentos
LEVANTAMENTO
MS tem a sétima menor taxa de desocupação do país
FUTEBOL
Estadual retorna amanhã com clássico "Comerário" em Campo Grande
CAMPO GRANDE
Ex-servidora excluída de plano de saúde tem garantida manutenção como beneficiária
MEIO AMBIENTE
Entre aves e mamíferos, mais de 100 animais retornam à natureza após reabilitação no Cras
DOURADOS
Com leitos de UTI's lotados, prefeitura aumenta toque de recolher e manda fechar clubes
MAPA DA COVID
Governo classifica Dourados com bandeira vermelha pela terceira semana seguida 

Mais Lidas

DOURADOS 
Foragido, autor de homicídio condenado a 16 anos é preso no Novo Horizonte
DOURADOS
Júri condena membros de grupo de extermínio a mais de 100 anos de prisão
PEDRO JUAN
Quatro corpos são encontrados enterrados na fronteira
BONITO
Mãe de bebê também morre após carro bater em coqueiro na MS-382