Menu
Busca quinta, 02 de julho de 2020
(67) 99659-5905
CAMPO GRANDE

Gangue ataca e fere travesti com golpe de facão na cabeça

08 janeiro 2020 - 09h10Por Da Redação

Grupo de quatro pessoas atacou e deixou ferido uma travesti na madrugada desta quarta-feira (8/1) em Campo Grande. O caso ocorreu no bairro Universitário e a vítima acabou atingida com um golpe de facão na cabeça. 

De acordo com o Midiamax, ela contou na delegacia que faz ponto nas proximidades da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Universitário, quando por volta de 0h a gangue chegou em uma Brasília, de cor branca, desceram armados com um facão e desferiram um golpe.

Ainda de acordo com a travesti, ela pediu socorro no terminal de ônibus e o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi chamado. A travesti foi levada para a UPA e atendida sendo liberada logo em seguida.

Não há informações sobre as características dos autores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Municípios sugerem financiamento para prefeituras pagarem precatórios
POLÍCIA
Mulher denuncia ter sido estuprada por três rapazes na capital
PANDEMIA
Mortes por coronavírus chegam a 105 em MS, após dia com 14 registros
TRÁFICO DE DROGAS
Homem é preso ao transportar grande quantidade de droga na BR-463
SAÚDE PÚBLICA
Dourados é recordista em chikungunya e 2020 é o 2° ano com mais registros da doença
CRIME AMBIENTAL
Empresário é multado em R$ 5 mil por degradar área protegida durante construção
PANDEMIA
Números explodem e MS tem mais de 100 mortes por coronavírus
42 VÍTIMAS
Quase metade dos óbitos por Covid-19 em MS são da microrregião de Dourados
COTAÇÃO
Dólar fecha em alta e se aproxima de R$ 5,35
NOTA TÉCNICA
Com risco de colapso do sistema de saúde, entidades se unem para pedir “fique em casa”

Mais Lidas

REGIÃO
'Ciclone bomba' traz ventos fortes e alertas de granizo, chuvas e queda de temperatura a Dourados
PANDEMIA
MS soma mais cinco mortes de coronavírus; morador de rua douradense é uma das vítimas
POLÍCIA
Dupla é presa por tráfico de drogas no Dioclécio Artuzi
PANDEMIA
Dourados tem quatro mortes por Covid em 24 horas, uma das vítimas médico