Menu
Busca terça, 27 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
AMAMBAI

Encontrada seminua e ferida na cabeça, mulher morre em hospital

10 janeiro 2018 - 18h20Por Da Redação

Elizete Nogueira de Souza, 44, morreu horas depois de ser encontrada seminua e com o crânio afundado na manhã desta quarta-feira (10), no cruzamento das ruas José Garibaldi Pereira da Rosa e Álvaro V. Oliveira, na Vila Limeira, em Amambai.

De acordo com o Canpo Grande News, ela estava embaixo de uma árvore quando foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros.

Elizete estava sem calça e roupa íntima, com afundamento de crânio, um corte no pescoço e aparentemente foi golpeada com muros nos olhos.

Ainda conforme o site, a vítima foi socorrida até o hospital do município, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo.

A Polícia Civil informou que ainda ninguém foi preso pelo crime. Também não há informações sobre o que pode ter motivado o crime.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORUMBÁ
Enteado ameaça idoso e diz “vou sair da cadeia rapidinho e te matar”
RIO DE JANEIRO
Fogo em hospital mata 2 pacientes com Covid; 200 são transferidos
CHAPADÃO DO SUL
Homem que ameaçou arrancar cabeça da esposa esfaqueia amiga dela
FUTEBOL
Coutinho é cortado, e Tite convoca Lucas Paquetá para as Eliminatórias
AQUIDAUANA
Polícia evita suicídio de jovem que se jogaria da ponte de rio
SEGURANÇA
Eleições: TSE aprova envio de forças federais para Mato Grosso do Sul
POLÍCIA
Mulher que obrigava filha a se prostituir responderá por dois crimes
JUDICIÁRIO
Justiça adia decisão sobre afastamento de Ricardo Salles de ministério
CAARAPÓ
Polícia Civil prende ladrão em flagrante logo após o crime
JUSTIÇA
Universidade que descumpriu parcelamento deve indenizar estudante

Mais Lidas

GRANDE DOURADOS
Cobertura de barracão de cerealista ‘voa’ com o vento; veja vídeo
DOURADOS
Guarda encerra festa organizada por adolescente em plena pandemia, apreende droga e até arma artesanal
DOURADOS
Délia decreta emergência por causa de danos provocados pela tempestade
TEMPESTADE
Chuva e ventos de 46km/h derrubam árvores e levam sujeira às ruas de Dourados