Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(67) 9860-3221

DOF bate recorde em apreensões de maconha em 25 anos de atuação

11 janeiro 2013 - 14h27

O levantamento anual das ações realizadas pelo Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apontou que o número de apreensões de maconha no ano de 2012 foi o maior desde a criação do Departamento há 25 anos. Os números revelam que de janeiro a dezembro foi apreendido pouco mais de 23 toneladas da droga, o que representa 58,5% a mais de apreensões do entorpecente, se comparado ao mesmo período de 2011 quando o montante chegou a 9,6 toneladas de maconha.

As maiores apreensões da droga aconteceram nos meses de março (3,4 toneladas) e agosto (5,1 toneladas). Somente no primeiro semestre de 2012 foram interceptadas 10,8 toneladas do entorpecente, e no segundo semestre os números superaram as 12 toneladas de maconha.

A região que abrange os municípios de Amambai, Coronel Sapucaia e Tacuru registrou os maiores índices de apreensões de maconha. Na localidade o Departamento de Operações de Fronteira flagrou o tráfico de 8,5 toneladas do entorpecente de janeiro a dezembro de 2012. “Estes municípios fazem fronteira com cidades que possuem histórico de plantação de maconha, por isso o DOF intensificou as ações nestas regiões. Nestas localidades temos um período específico para que o tráfico ocorra em decorrência do plantio e da colheita da maconha, mas que já foi identificado pela nossa equipe de inteligência”, explica o coronel da PM Edilson Osnei Nazareth Duarte, diretor do DOF.

Nos municípios da região de Laguna Carapã e Ponta Porã o número de apreensões de maconha se mostrou considerável conforme o levantamento do DOF. Na região foram apreendidas 7,3 toneladas. Nos municípios de Dourados, Caarapó e Nova Alvorada do Sul foram barradas nas fiscalizações 3,9 toneladas de maconha. Maracaju, Bela Vista, Jardim e os municípios vizinhos a esta região apontaram mais de 2 toneladas de maconha apreendidas. Os índices mais baixos de apreensões foram registrados na região de Mundo Novo, Eldorado e Iguatemi, com cerca 1,4 toneladas de maconha encontradas pelo Departamento durante todo o ano de 2012.

As ações do Departamento de Operações de Fronteira nos 51 municípios que compõem a faixa fronteiriça do Brasil e o Paraguai foram divididas em sete áreas de atuação. De acordo com o comandante do DOF a Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) vai continuar e intensificar ainda mais as ações do Departamento em conjunto com o Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira (GGI-F) em parceria com o Ministério da Defesa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Rapaz é espancado por trio após ser acusado de ‘ficar’ com adolescente
JUDICIÁRIO
STF dá 48 horas para Bolsonaro listar ações tomadas contra a Covid-19
CAMPO GRANDE
Polícia resgata duas pessoas que ficaram presas em carro sob forte sol
SOLIDARIEDADE
Campanha Online da UEMS irá ajudar alunos durante a Covid-19
COXIM
Socorrida por bombeiros, mulher arromba armário e furta morfina de hospital
MEIO AMBIENTE
Ambiental captura jiboia com mais de dois metros em residência de Coxim
RECURSOS
MPT destinou R$ 124 milhões para prevenção e combate à Covid-19
BENEFÍCIO
UFGD mantém assistência a estudantes durante suspensão do calendário
CORONAVÍRUS
Câmara aprova projeto de lei que libera remédios sem aval da Anvisa
DOURADINA
Polícia apreende meia tonelada de agrotóxicos na região da Grande Dourados

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
BOLETIM DA SES
Dourados registra mais um caso de coronavírus e MS tem 51 confirmações