Menu
Busca sexta, 30 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
PARANHOS

Deitado em rede na varanda de casa, jovem é executado com 30 tiros

19 outubro 2017 - 08h50Por Da Redação

Carlos Eduardo Oliveira Miranda, 26 anos, foi executado com pelo menos 30 tiros de arma de fogo no interior da casa dele, por um homem que chegou no local por volta de 20h20 desta quarta-feira, dia 18 de outubro, perguntando sobre Bruno. Segundo o site Campo Grande News, o crime aconteceu em Paranhos, cidade localizada na fronteira om o Paraguai.

Conforme registro policial, equipe da Polícia Militar que fazia patrulhamento pela área central, foi acionada por populares que na rua Furtuoso Silveira da Cunha, tiros foram disparados. A cidade estava sem energia por causa do mau tempo.

Os policiais foram até o local e encontraram Carlos, caído na varanda já morto. O pai do jovem estava na casa no momento do crime e contou que o filho estava deitado na rede, quando um homem em uma motocicleta que ele diz não conhecer, chegou na residência.

O suspeito desceu, entrou na varanda e perguntou: "Carlos, cadê o Bruno"? O pai conta ainda que quando a vítima foi levantar para ver quem era, o homem atirou várias vezes e fugiu.

No local do crime, os militares encontraram 16 projéteis de calibre 9 mm de 14 projéteis de calibre 380.

O pai de Carlos relata ainda que o filho era usuário de drogas, porém não soube informar se a vítima estava recebendo ameaças de morte.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Ambiental fecha suinocultura em área protegida e autua gerente
VIREI BOIOLA
Bolsonaro faz piada homofóbica com guaraná no Maranhão; políticos reagem
AMAMBAI
Homem é preso em flagrante arrastando cadela pelas ruas
SISTEMA DE PAGAMENTO
Pix começa a funcionar no dia 3 de novembro para clientes selecionados
MEIO AMBIENTE
PMA Captura jiboia de quase três metros e arara ferida em residências
BRASIL
Justiça manda Saúde dizer se feijão do Pastor Valdemiro cura Covid-19
MS
Operação “Divisas Integradas III” apreende mais de 7 toneladas de drogas
MORTA A FACADAS
Brasileira é uma das três vítimas do atentado em Nice, na França
CAPITAL
Polícia demora 8 horas para prender, mas ladrão é solto em 3 minutos
DENTISTA
Cassems ressalta a importância da saúde bucal desde a primeira infância

Mais Lidas

PANDEMIA
Menino de 5 anos é a primeira criança a morrer de coronavírus em MS
BRASIL
Acusado de matar ator Rafael Miguel e os pais é preso no Paraná
VILA VARGAS
Hotéis em distrito de Dourados eram utilizados como entreposto do contrabando
DOURADOS
Funcionário do CCZ é agredido a pauladas durante trabalho de fiscalização