Menu
Busca segunda, 18 de outubro de 2021
(67) 99257-3397
DECIBÉIS

Defesa de alvos de operação alega falta de “elementos concretos” para mandados

30 setembro 2020 - 14h30Por Wender Carbonari e Osvaldo Duarte

Os advogados de defesa dos empresários investigados na Operação Decibéis, do MPE (Ministério Público Estadual), enviaram nota à imprensa durante a tarde desta quarta-feira (30/9) refutando as acusações. 

A operação foi desencadeada nas primeiras horas da manhã com cumprimento de mandados de busca e apreensão executados por policiais do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado). 

A nota assinada pelo advogado Renan Souza Pompeu considera frágil a documentação na qual estaria embasada o decreto de busca e apreensão. Para a defesa, trata-se de uma medida “desnecessária”.  

“O requerimento formulado pelo membro do Ministério Público se limitou a exercício de infundadas conjecturas, sem elementos concretos que pudessem lastrear a suas suposições, o que apenas evidencia a fragorosa falta de pressupostos e requisitos autorizadores do pedido de busca e apreensão”, diz a nota oficial.

O representante legal dos acusados na operação que investiga a existência de um suposto esquema de fraudes em processos licitatórios no ramo de prestação de serviço de sonorização afirma que pretende impugnar a decisão “através das instâncias ordinárias”. 

INVESTIGAÇÃO

A Operação Decibéis faz alusão ao ramo de atividade das empresas investigadas pelo MPE, de prestação de serviços de sonorização. Foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª Vara Criminal da comarca de Dourados. 

São investigadas prática de crimes contra a lei de licitações, ordem econômica e organização criminosa, em decorrência de supostas fraudes advindas da relação de parentesco e proximidade entre os envolvidos. Eles estariam envolvidos nos certames licitatórios visando contratações com o poder executivo de Dourados. 

Durante a manhã (30), os policiais do Gaeco chegaram a permanecer por 5 horas em um edifício, deixando o local por volta das 11h em posse de documentos, porém sem conversar com a imprensa.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
PGR pede ao STF para aprofundar investigação contra Renan Calheiros
Bombeiros encerram buscas por idoso desaparecido há 11 dias
PANTANAL
Bombeiros encerram buscas por idoso desaparecido há 11 dias
EDUCAÇÃO
UFGD abre 457 vagas em cursos de mestrado e doutorado para 2022
CAPITAL
Sequestro que durou 1 hora termina com dois presos e reféns liberadas
EMPREGO
Divulgada abertura de Seleção da Agepan e convocação da Ageprev
CORUMBÁ
Motorista de aplicativo é sequestrada durante roubo na fronteira
204 MIL VAGAS
IBGE cancela concurso para o Censo 2022 e diz que devolverá inscrição
REGIÃO
Dupla é detida após invadir fazenda e abater animal da propriedade
UEMS
Inscrições abertas: Concurso público para docente de Medicina
Aposentado vai consertar telhado após vendaval, cai e morre

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Bombeiros encontram mais três corpos e número de mortos em naufrágio chega a seis
ROMA I
Acusados de estupro, mãe de menor e jovem responderão processo em liberdade
DOURADOS
PMA prende e autua dois pescadores em R$ 2,6 mil
DOURADOS 
Cidade não tem desabrigados, mas tempestade afetou dezenas de casas na periferia