Menu
Busca sexta, 03 de abril de 2020
(67) 9860-3221
IGUATEMI

Conduta de cabo que matou sogro a tiros em fazenda será investigada

19 fevereiro 2020 - 22h35Por Da Redação

A Polícia Militar vai instaurar inquérito para apurar transgressões disciplinares cometidas pelo cabo que, no domingo passado, matou o sogro com tiros durante confusão em uma fazenda localizada na zona rural do município de Iguatemi, na região Sul do Estado. 

Segundo o site Midiamax, o cabo ficou calado em depoimento e foi transferido para o presídio militar de Campo Grande. Conforme já noticiado, a vítima, de 60 anos, foi baleada duas vezes, no peito e no ombro. A esposa do PM, de 33 anos, foi ferida na mão de raspão. 

Os envolvidos estavam reunidos em uma fazenda localizada na região das Sete Placas, quando o policial se desentendeu com a esposa e a agrediu. O sogro interagiu para proteger a filha e acabou sendo atingido pelos disparos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Idoso de 60 anos pode ser a primeira morte por coronavírus em Três Lagoas
INFORMAIS
Lei que cria auxílio de R$ 600 é publicada no 'Diário Oficial da União'
SIDROLÂNDIA
Bandidos invadem escola, furtam botijões de gás e alimentos
IMUNIZAÇÃO
Caminhoneiros serão incluídos na campanha de vacinação contra gripe
JUSTIÇA
Pedido de exoneração feita por servidor incapaz é considerado nulo
CONVOCAÇÃO
Governo fará cadastro não obrigatório de profissionais de saúde para o SUS
CAMPO GRANDE
Justiça mantém prisão de suspeito de furtar várias vezes mesmo atacadista
BANCO DO BRASIL
Servidores estaduais podem renovar empréstimos consignados com carência
PROCURADO
Identificado chefe de quadrilha que cavou túnel para roubar banco na Capital
LEÃO
Mais de 9,1 milhões de contribuintes entregaram declaração do IR

Mais Lidas

NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
CRIME AMBIENTAL
Pescador é flagrado com barco, motor de popa e petrecho de pesca
COVID-19
Familiares de casal que testou positivo para coronavírus em Dourados são monitorados
BOLETIM DA SES
Dourados registra mais um caso de coronavírus e MS tem 51 confirmações