Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Brinquedo de parque em que menino morreu em Jardim estaria desligado

15 fevereiro 2013 - 16h49

A Polícia Civil em Jardim, interrogou dois proprietários e dois funcionários do parque de diversões em que Elias Prates Brunel, 10 anos, morreu eletrocutado no dia 8 de fevereiro, no trem-fantasma “Thriller”. Um dos funcionários disse que havia desligado o brinquedo dez minutos antes do acidente.

Segundo familiares de Elias Brunel, ele foi ao parque, naquele dia, pela segunda vez com primos e irmãos. O garoto esperava um dos parentes e encostou na grade de proteção do trem-fantasma, foi eletrocutado e morreu no local.

Em depoimento à polícia, o funcionário responsável pelo trem-fantasma desligou o brinquedo e um colega ficou no local. De acordo com as investigações, mesmo desligado, uma corrente elétrica passava pela carcaça do brinquedo.

A polícia informou que a fase de interrogatórios foi encerrada e que, agora, aguarda o laudo com as informações sobre a voltagem no local e as possíveis irregularidades.

O parque é de Dourados, estava em Jardim havia dez dias e funcionava com autorização do Corpo de Bombeiros.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Rapaz é espancado por trio após ser acusado de ‘ficar’ com adolescente
JUDICIÁRIO
STF dá 48 horas para Bolsonaro listar ações tomadas contra a Covid-19
CAMPO GRANDE
Polícia resgata duas pessoas que ficaram presas em carro sob forte sol
SOLIDARIEDADE
Campanha Online da UEMS irá ajudar alunos durante a Covid-19
COXIM
Socorrida por bombeiros, mulher arromba armário e furta morfina de hospital
MEIO AMBIENTE
Ambiental captura jiboia com mais de dois metros em residência de Coxim
RECURSOS
MPT destinou R$ 124 milhões para prevenção e combate à Covid-19
BENEFÍCIO
UFGD mantém assistência a estudantes durante suspensão do calendário
CORONAVÍRUS
Câmara aprova projeto de lei que libera remédios sem aval da Anvisa
DOURADINA
Polícia apreende meia tonelada de agrotóxicos na região da Grande Dourados

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
BOLETIM DA SES
Dourados registra mais um caso de coronavírus e MS tem 51 confirmações